Dia: 25/08/2019

“O veto integral está, por ora, descartado”

Em sua entrevista ao Globo, Jorge Oliveira, ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, afirmou que Jair Bolsonaro não deve vetar integralmente a lei de abuso de autoridade.

“O veto integral está, por ora, descartado. Porque a intenção do projeto de ter uma lei que coíba o abuso é importante. Mas há determinados dispositivos que podem cercear as autoridades e que merecem mais atenção. Hoje há uma propensão em vetar o artigo das algemas, mas não está definido. Há também um dispositivo que fala que o policial que estiver conduzindo um preso não pode filmar ou permitir a filmagem. É uma questão operacionalmente complicada de fazer.”

Fatia maior de bônus do petróleo no pacto federativo

Um acordo entre líderes do Senado e governo deve fazer a reforma da Previdência tramitar junto com mudanças que garantem mais dinheiro aos estados e municípios, aprimorando o pacto federativo.

O dinheiro originado pela segunda etapa de exploração da camada do pré-sal é objeto de disputa acirrada por União, estados, DF e municípios.

Por isso, líderes dos partidos no Senado colocaram a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 98/2019 na mesa de negociações sobre o trâmite da Previdência, a fim de sensibilizar o governo para as demandas de governadores e prefeitos. Ela deve ser votada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) na manhã desta quarta-feira (28) e deve seguir para o Plenário na tarde do mesmo dia.

Lei de Proteção de dados traz desafios a empresas, cidadãos e governo

A Lei Geral de Proteção de Dados (No 13.709 de 2018) completou um ano neste mês. A norma estabeleceu regras de coleta e tratamento de informações de pessoas, empresas e instituições públicas, os direitos de titulares de dados, as responsabilidades de quem processa esses registros e as estruturas e formas de fiscalização e eventuais reparos em caso de abusos nesta prática.

Contudo, as novas regras só entrarão em vigor em agosto de 2020. O período de adaptação foi definido pelos legisladores com o argumento de que os diversos atores envolvidos precisavam de tempo para se organizarem de modo a dar conta das exigências. Chegado ao meio deste caminho, sobram desafios para empresas, cidadãos, órgãos públicos e autoridades regulatórias.

Nem casamento anima Lula a ir para o semiaberto

Enquanto aguarda a definição do julgamento dos embargos de declaração no caso do tríplex no STJ, Lula segue dizendo que não quer sair da cela para ficar em regime semiaberto.

O petista quer a absolvição ou a anulação da sentença.

Segundo seus interlocutores, seria o primeiro caso de condução coercitiva para progressão de regime.

Cuidado com o uso do celular

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que pelo menos 37% da população brasileira, cerca de 60 milhões de pessoas, convivem com a dor gerada pela má postura ao manusear os smartphones. O número já é mais do que a média mundial que é de 35%.

Segundo pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV), os celulares ativos já somam 230 milhões no Brasil, um crescimento de 10 milhões em comparação com 2018 .O Brasil tem mais dispositivos digitais do que brasileiros, uma média de dois smartphones, notebooks, computadores ou tablets por habitante.

Por isso, profissionais da saúde estão alertando os usuários com relação à postura ao utilizar os aparelhos. Se não for corrigida, pode gerar dor crônica e lesões que podem até precisar de cirurgia.

A ortopedista do Grupo Notedrame Intermédica, Liége Mentz-Rosano, explicou que o uso do celular faz com que a pessoa fique em uma posição viciosa, levando o pescoço a fazer uma flexão, que eleva o peso carregado pela região.

Guardas Municipais planejam ir a Brasília reivindicar regime especial de aposentadoria

Diversos guardas municipais do Rio estiveram reunidos na última sexta-feira (dia 23), na Câmara dos Vereadores, para uma audiência pública sobre a reforma da Previdência. Os servidores reivindicam ter o mesmo tratamento dado pela proposta a outras categorias da Segurança Pública, como policias federais, militares, civis, além de bombeiros, por exemplo.

A reforma enviada pelo governo estabelece regras mais brandas de aposentadoria para policiais federais, civis, agentes penitenciários e educativos, além de policiais militares e bombeiros. Com a saída dos estados e municípios, após uma mudança feita pelo relator Samuel Moreira (PSDB-SP), a regra valeria apenas para as categorias da Segurança Federal.

Esses poderiam se aposentar aos 55 anos, com 30 de contribuição, no caso dos homens, e 25 no caso das mulheres. Para quem já está no mercado, há uma regra de transição, com idade mínima de 52 anos para as mulheres e 53 para os homens, além de pedágio de 100% sobre o tempo de contribuição que falta para dar entrada na aposentadoria.

Setor de franquias cresce 6,4% no primeiro semestre

O faturamento do setor de franquias nacional teve crescimento de 6,4% no primeiro semestre do ano. A receita subiu de R$ 79,496 bilhões para R$ 84,586 bilhões.

Os dados são da Associação Brasileira de Franchising (ABF). Nos últimos 12 meses, a receita do mercado de franchising evoluiu 6,9%, atingindo R$ 179,933 bilhões.

País desenvolve tecnologia para lavouras mais resistentes ao calor

Contornar os efeitos do calor na lavoura tem ocupado os pesquisadores da Embrapa no desenvolvimento de técnicas de plantio, manejo e novas cultivares que garantam a produtividade. É o que acontece, por exemplo, com duas novas variedades criadas de alfaces crespas (folhas verdades) que já estão sendo comercializadas.

A alface registrada como BRS Leila leva mais tempo para florescer e suporta dez dias a mais sob temperatura acima dos 25°C, limite máximo que a hortaliça original tem sua produção favorecida. No caso da BRS Mediterrânea, o metabolismo da planta, ao contrário, é mais precoce e atinge o ponto de colheita sete dias antes do que o tipo mais comum plantado no Brasil e fica menos exposta ao calor.

A elevação das temperaturas repercute na plantação de alface e de outras culturas porque, com mais calor, se intensifica a “evapotranspiração”, termo que reúne a evaporação da água armazenada na planta e a transpiração do solo, que causa deficiência hídrica no cultivo. Temperatura do ambiente e água, junto com a recepção de luz e o gás carbônico, são fatores que alteram a fotossíntese, a capacidade da planta transformar a energia solar em energia química e se desenvolver.

Deputado Ezequiel Ferreira visita a Liga Mossoroense contra o Câncer

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), cumpriu agenda neste domingo (25) em Mossoró. O parlamentar conheceu as instalações da Liga Mossoroense de Combate ao Câncer, referência no tratamento oncológico na região Oeste potiguar.

“A Liga faz um trabalho de excelência, sendo fundamental atualmente para a saúde pública potiguar. Viemos conhecer principalmente as demandas da unidade, para que possamos trabalhar juntos em busca de melhorias”, disse Ezequiel, que foi recebido pelo médico Paulo Henrique Monte, diretor da Liga, e por Dr. Cury Medeiros, responsável pelo início do trabalho da Liga na Capital do Oeste.

Na oportunidade, a diretoria da Liga enfatizou a importância da unidade obter credenciamento para cirurgia pediátrica e oncológica. A medida possibilitará estender os serviços na região, melhorando a assistência no que diz respeito ao tratamento e também reduzindo o deslocamento de pacientes para outras unidades.

Para se ter uma ideia da importância do trabalho realizado pela Liga Mossoroense, a instituição já realizou, apenas no primeiro semestre de 2019, mais de 4,5 mil atendimentos de quimioterapia. Com duas unidades de atendimento, a Liga é representada pelo Hospital da Solidariedade e a Casa de Saúde Santa Luzia. As unidades atendem usuários de 64 municípios da região.

Também acompanharam a visita os vereadores de Mossoró, Sandra Rosado, João Gentil, Alex do Frango, Genilson Alves, Aline Couto, Zé Peixeiro e Maria das Malhas, além da ex-deputada estadual Larissa Rosado.

Moro diz que PF vai investigar grupo que usou WhatsApp para planejar incêndios

No Twitter, Sergio Moro confirmou que a Polícia Federal vai investigar o conluio entre agricultores, sindicalistas e grileiros para incendiar as margens da BR-163, como relatado em reportagem do Globo Rural.

“Sim, fui contatado hoje mesmo pelo PR @jairbolsonaro sobre o fato e solicitando apuração rigorosa. A Polícia Federal vai, com sua expertise, apurar o fato. Incêndios criminosos na Amazônia serão severamente punidos.”

Projeto musical promete contar e cantar a história do samba nacional e regional em 10 horas de festa

No dia 28 de setembro (sábado), a junção de artistas locais com lendários nomes do samba nacional fará do projeto Pôr do Samba uma verdadeira aula em forma de festa, que vai contar e cantar a história do ritmo mais marcante do Brasil.

O show acontecerá em um dos mais belos cartões postais da capital potiguar: o Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Natal, no Largo da Rua Chile, bairro da Ribeira. A programação terá início às 12h (meio dia) e irá até às 22h. Serão 10 horas de festa, com uma estrutura toda especial e atrações que não deixarão ninguém parado.

Fundo de Quintal, Luciano Queiroz e Banda, Quarteto Linha, Mesa 12 e Batukedo são alguns dos artistas confirmados, além da animação garantida pela Roda de Samba Ribeira Boêmia. Mais do que um evento de lazer e muita diversão, o espetáculo visa contar a história do ritmo musical da maneira mais completa possível. Para isso, promoverá um intercâmbio regional-nacional, com o propósito de valorizar os artistas locais, reconhecendo a sua relevância no cenário da música popular.

As bandas convidadas farão um verdadeiro espetáculo de talento, musicalidade e muita alegria. No decorrer das 10 horas de show, a viagem pela história do samba passará pelo processo de surgimento, bem como pela ascensão de música proibida à símbolo nacional, abordando também alguns dos sub gêneros mais famosos do ritmo: samba enredo (escolas de samba), partido-alto e pagode.

O evento é uma realização da Viva Entretenimento. Os ingressos já podem ser adquiridos em valores de lote promocional na loja física Le Postiche (Midway Mall) ou online pelo site bilheteriadigital.com e app da Viva Entretenimento (disponível para Android e iOS). Além do direito de meia entrada legal, a meia entrada social garante o benefício a quem apresentar a doação de 1kg de alimento não perecível (exceto sal).

Grupo usou whatsapp para convocar “dia do fogo” no Pará

Em Altamira, no Pará, município que lidera o número de incêndios e desmatamentos no Brasil, o Distrito de Cachoeira da Serra, um dos polos agrícolas mais disputados pelos agricultores, ainda repercute a maior queimada da história do Pará, que aconteceu no dia 10 de agosto. Essa data vai ficar lembrada para sempre por aqui como o “Dia do Fogo”.

Já se sabe que mais de 70 pessoas – de Altamira e Novo Progresso — entre sindicalistas, produtores rurais, comerciantes e grileiros, combinaram através de um grupo de whatsApp incendiar as margens da BR-163, rodovia que liga essa região do Pará aos portos fluviais do Rio Tapajós e ao Estado de Mato Grosso. A intenção deles era mostrar ao presidente Jair Bolsonaro que apoiam suas ideias de “afrouxar” a fiscalização do Ibama e quem sabe conseguir o perdão das multas pelas infrações cometidas ao Meio Ambiente.

A pedido do Ministério Público de Novo Progresso, o Delegado Daniel Mattos Pereira, da Polícia Civil, já ouviu algumas pessoas ligadas ao “Dia do Fogo”, até agora ninguém foi preso.

As delegacias dos municípios de Castelo dos Sonhos e Novo Progresso receberam inúmeras denúncias de produtores rurais que se dizem prejudicados pelas queimadas.

Muitos perderam cercas, pastagens, lavouras e animais, tudo devorado pelo fogo. Depois que a denúncia do “Dia do Fogo” veio a público, uma nova versão circula por toda a região. A pecuarista Nair Brizola, de Cachoeira da Serra, faz eco a uma história que ouvimos em toda parte. Ela nos procurou quando circulava pela estrada da “Bucha”, onde nossa equipe documentava uma queimada.

Projetos que poderiam destravar crescimento esbarram em limitações legais

Na viagem que fez a Londres na semana passada, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, apresentou uma carteira de projetos para potenciais interessados que, se levados adiante, vão assegurar ao menos R$ 204 bilhões em investimentos em concessões. Menos de um terço deles, porém, está maduro para ser leiloado até 2020.

A injeção desses recursos na economia —uma das principais apostas para reverter a estagnação e gerar empregos— ficará para a reta final da gestão de Jair Bolsonaro (PSL), no ano eleitoral de 2022.

Quase 70% dos recursos serão aplicados em rodovias, mas há resistência de auditores e ministros do TCU (Tribunal de Contas da União) ao modelo de concessão proposto pelo Executivo.

STF nunca teve ministro processado ou afastado por crime comum ou de responsabilidade

Ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) foram alvos de 33 pedidos de impeachment nos últimos dez anos no Senado, segundo levantamento feito pela Folha, mas nenhuma das denúncias seguiu adiante.

Das três principais casas da Praça dos Três Poderes, em Brasília (Presidência, Congresso e STF), o Supremo é a única que nunca perdeu um integrante a partir de uma denúncia de crime comum ou de responsabilidade.

A Presidência já teve dois impeachments concluídos, o de Fernando Collor em 1992 e o de Dilma Rousseff em 2016.

Jader Barbalho (MDB-PA) renunciou à presidência do Senado em 2001 em meio a um escândalo de desvios de verbas. Renan Calheiros (MDB-AL) renunciou à presidência do Senado em novembro de 2007 para impedir uma cassação por quebra de decoro.

O STF, que tem essa denominação desde 1890, se mantém a salvo de investigações, cassações ou renúncias estratégicas para evitar processos.

Inteligência artificial aprende a escrever notícias falsas para combatê-las

A ferramenta, batizada Grover, foi construída por pesquisadores da Universidade de Washington com o propósito de combater fake news geradas em massa por meio de inteligência artificial. Ela está disponível online gratuitamente tanto para fabricar quanto para detectar textos falsos, um a um -abaixo, leia mais sobre como fazer um teste.

Pode parecer contrassenso criar um robô que fabrica fake news em massa se é justamente isso que se pretende combater. Rowan Zellers, um dos pesquisadores envolvidos no projeto com outros seis colegas, explica que esse é o primeiro passo para criar uma proteção.

“É um princípio da cibersegurança. Quando a gente pensa num ataque [como campanhas massivas de propaganda], primeiro temos que entender como ele funcionaria e estudar o inimigo. Fazer uma análise da ameaça”, diz o estudante de pós-graduação em ciência da computação. Em outras palavras, é como uma vacina contendo o vírus que precisa combater.

Publicação traz entendimentos atualizados do STJ sobre a Lei de Drogas

A busca pela conciliação entre segurança jurídica e justiça material tem levado o Poder Judiciário – em especial o Supremo Tribunal Federal – a atualizar seus entendimentos a respeito da aplicação da Lei 11.343/2006, também conhecida como Lei de Drogas.

Em sintonia com essas mudanças, o Superior Tribunal de Justiça lançou uma nova edição compilada da publicação Jurisprudência em Teses sobre a Lei de Drogas, reunindo em um só exemplar vários aspectos da interpretação da legislação federal sobre o tráfico de entorpecentes, as penas cabíveis para os diversos delitos e as circunstâncias minorantes que podem ser aplicadas a cada caso.
Segundo dados do Banco de Monitoramento de Prisões do Conselho Nacional de Justiça, o Brasil tem hoje cerca de 812 mil presos.

Em agosto do ano passado, o detalhamento do perfil da população carcerária indicava que quase um quarto dela estava envolvida com acusações de violação da Lei de Drogas.

Quatro presos fogem da Cadeia Pública de Sumé, no Cariri da PB

Quatro detentos fugiram da Cadeia Pública de Sumé, no Cariri da Paraíba. Segundo o gerente do Sistema Penitenciário (Gesipe), Ronaldo Porfírio, a falta dos presos foi percebida durante a contagem, por volta das 5h deste domingo (25), e ainda não se sabe as circunstâncias da fuga.

O Sistema Penitenciário vai abrir uma sindicância para apurar a fuga. Segundo o gerente, já foram adotado os procedimentos de praxe, inclusive solicitado laudo pericial de competência da Polícia Civil. Junto com o relatório do gestor da unidade, será aberto, se necessário, um inquerito policial.

Salvador contra Lei de Abuso de Autoridade

Em Salvador, a manifestação contra a Lei de Abuso de Autoridade se concentrou no Farol da Barra.

Os manifestantes também pediram o impeachment de Dias Toffoli e de Gilmar Mendes.

Ceará: tecnologia e trégua pontual entre facções explicam a maior redução de mortes no país

Famílias expulsas de suas casas por chefes de facções criminosas. Moradores proibidos pelo tráfico de circularem em bairros dominados por organizações rivais. Assassinatos diários, com esquartejamentos e decaptações filmados e distribuídos pelo WhatsApp, a fim de espalhar o horror.

Assim foram os últimos anos nas cidades cearenses, em especial para as populações periféricas. Tomado por grupos criminosos que disputam o controle da venda de drogas e armas, o Ceará pico de assassinatos em 2017. Nos últimos dois anos, figura como o estado que mais reduziu as mortes violentas intencionais no país, segundo dados Sinesp.

Foram 758 registros nos primeiros quatro meses deste ano, diante de 1.412 no mesmo período de 2015 — queda de 46,3%. Em comparação ao primeiro quadrimestre de 2018, a diminuição recente foi de 53,3%.

Domingo é marcado por atos pelo país

Este domingo (25) está sendo marcado por manifestações em diferentes cidades em todo o Brasil.

Em pauta estão, principalmente, críticas à lei de abuso de autoridade e pedidos de impeachment do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli.

Atriz e roteirista Fernanda Young morre aos 49 anos

A atriz, roteirista e diretora Fernanda Young morreu neste domingo (25/08/2019), aos 49 anos, no sítio da família em Minas Gerais. Segundo o portal G1, ela teria tido uma crise de asma seguida de uma parada cardíaca.

Recentemente, Fernanda estava se preparando para estrear a peça Ainda Nada de Novo, na qual dividia a cena com Fernanda Nobre.

Guilherme & Pedrinho são atrações na Feirinha de São Fernando neste domingo

A festa de Nossa Senhora prossegue neste domingo (25), na cidade de São Fernando. Na parte social, a Feirinha da festa terá como atrações Forró de Cabo a Rabo (14h às 16 horas) e de 16 horas até 19 horas, a dupla Guilherme & Pedrinho.

No sábado (24), à noite, na praça José Josias Fernandes, a parte social reuniu um grande público, com festa animada por Guilherme & Pedrinho e Briola. A festa foi apresentada pelo radialista F. Silva, que vem se destacando na apresentação dos grandes eventos musicais e sociais na região do Seridó, com os grandes nomes da música regional, do Nordeste e do Brasil

Neste domingo, a partir das 20 horas, a terceira novena da festa será dedicada aos Casais e Pastoral Familiar, com o tema: “Sede um só corpo e um só espírito, assim como fostes chamados pela vossa vocação a uma só esperança”.

Conspiração contra Álvaro Dias

O prefeito Álvaro Dias trabalha com entusiamo o novo Plano de Diretor de Natal. Tem gente ao seu lado conspirando contra ele.

Dói na alma, diz Bolsonaro sobre queimadas na Amazônia

O presidente Jair Bolsonaro voltou a falar das queimadas na Amazônia e afirmou em seu Twitter neste sábado, 24, que “dói na alma ver brasileiros não enxergando a campanha fabricada contra a nossa soberania na região“. Na mesma postagem, há um vídeo com trecho de uma entrevista do General Eduardo Villas Boas, concedida ao jornalista Pedro Bial em setembro de 2017.

Villas Boas conta de uma operação da época em que comandava a Amazônia e foi avisado por um comandante de batalhão que o rei da Noruega estava em uma aldeia indígena. “Há um déficit de soberania”, disse o General na entrevista, ressaltando que a Amazônia tem 84% da floresta preservada, enquanto na Europa, somente 0,3%. “Nenhum país europeu tem autoridade para nos ensinar em como tratar do meio ambiente”, disse ele na entrevista.

Nesta sexta-feira, 23, Bolsonaro fez um pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão sobre as queimadas na Amazônia e a política ambiental do governo, que tem sido alvo de críticas no Brasil e no exterior.

O presidente adotou um tom mais moderado e disse que incêndios florestais acontecem em todo o mundo e não podem ser pretexto para possíveis sanções internacionais. “Seguimos abertos ao diálogo com base no respeito e cientes da nossa soberania.” Mais cedo, ele já havia autorizado o uso das Forças Armadas em operações na Amazônia Legal para combater as queimadas.

pronunciamento na noite desta sexta-feira foi recebido com panelaço em diferentes cidades brasileiras, como São Paulo, Rio, Salvador, Brasília e Recife. A questão ambiental e as políticas do governo federal motivou intensa reação global nos últimos dias.

Pelas redes sociais, usuários relataram panelaços na região da Avenida Paulista, na Pompeia, na Vila Madalena e em Perdizes, em São Paulo, assim como nas Laranjeiras, Leme, Tijuca, Humaitá, Alto Leblon e Glória, no Rio. A forma de manifestação durante pronunciamentos oficiais de um presidente lembra o movimento que criticou a gestão da ex-presidente Dilma Rousseff em 2015 e 2016, quando os panelaços se multiplicaram.

RN registra 6 casos notificados de microcefalia em 2019

O Rio Grande do Norte registrou 6 casos notificados de microcefalia e outras malformações relacionadas às infecções congênitas até agosto de 2019. O dado consta no boletim epidemiológico divulgado pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS) da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).

Os casos notificados foram registrados até o dia 17 de agosto deste ano e o número indica uma queda progressiva em comparação à quantidade de casos dos últimos quatro anos. Com os dados até o mês de agosto, o número se encaixa neste momento como o menor desde 2014, ano em que houve a notificação de quatro casos de microcefalia.

O ano com mais casos notificados foi o de 2015, período de grande contaminação com o vírus da zika no país. Naquele ano, foram registrados 337 casos no RN, seguidos por 151 em 2016. Nos anos seguintes, uma queda já foi registrada: foram 21 casos em 2017 e 16 em 2018.

(mais…)

Prefeito interino de Ceará-Mirim é Ficha Suja

O presidente da câmara de Ceará-Mirim Ronaldo Marques Rodrigues ou como é conhecido na cidade: Ronaldo Venâncio, assume a vaga do prefeito cassado Marconi Barreto. Certo? Certo! Mas, é Ficha Suja. Responde a vários processos. Tem que se afastado.

Em Taboleiro Grande, Walter Alves participa de inauguração de UBS, e entrega veículos para Saúde

O deputado federal Walter Alves (MDB-RN) visitou, na tarde de ontem (24), o município de Taboleiro Grande, a 372 quilômetros de Natal. Ao lado da prefeita Klebia Bessa, Walter inaugurou uma Unidade Básica de Saúde (UBS), e entregou veículos que serão utilizadas na assistência médica da população. A UBS, os veículos e equipamentos são resultado de emendas parlamentares, na ordem de R$ 900 mil, de autoria de Walter Alves e do ex-senador Garibaldi Filho.

“Não é a primeira vez que venho a Taboleiro Grande participar da entrega de melhorias para a população. Nosso mandato tem parceria forte com o município e o trabalho vai continuar. Parabenizo a prefeita Klebinha pela administração e compromisso com o povo”, disse Walter Alves.

A nova unidade de saúde (UBS Raimunda Maia Sales) foi construída no bairro dos Parlamentares e vai atender mais de 70 famílias dos bairros Parlamentes e Sossego, com profissionais ligados ao Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). A UBS é moderna, climatizada e possui consultório odontológico.

Além da UBS, a prefeita, em parceria com o mandato de Walter Alves e recursos destinados pelo então senador Garibaldi Filho (MDB-RN), entregou os seguintes veículos: uma van, uma ambulância, um carro modelo picape (L200) e um kit odontológico.

Prefeitura garante recursos para finalizar obras na Hermes da Fonseca e praias da zona Leste

Em tratativas durante diversas reuniões em Brasília ao longo desta semana, o prefeito de Natal, Álvaro Dias, conseguiu desbloquear recursos para dar continuidade à obra de recapeamento das avenidas Hermes da Fonseca e Salgado Filho, bem como ao trabalho de enrocamento nas praias da zona leste. A garantia para a liberação dos recursos foi dada pelo ministro chefe do Gabinete Civil, da Presidência da República, Onyx Lorenzoni, em econtro com o chefe do executivo municipal.

O serviço de recuperação asfáltica na Hermes da Fonseca/Salgado Filho já foi concluído no sentido centro/zona sul, no trecho compreendido entre a Praça das Flores e o complexo viário do Quarto Centenário. A Ssecretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semov) também já havia executado o trabalho no sentido oposto, no trecho entre a Igreja Universal até a avenida Alexandrino de Alencar: “Por problemas burocráticos, a empresa que realizou o serviço ainda não havia recebido. Destravamos esse montante de mais de R$ 800 mil junto ao Governo Federal, pagamos as notas em aberto e a obra será retomada nos próximos 15 dias. É o tempo para a empresa mobilizar seus funcionários e as máquinas”, disse o secretário Tomaz Neto. O trecho que falta concluir, compreende a Avenida Alexandrino de Alencar até a Praça das Flores.

(mais…)

Arrecadação mostra sinais de recuperação gradual da economia

Mesmo com a desaceleração da economia nos últimos meses, a arrecadação federal indica que a economia está se recuperando de forma gradual e consistente. Para técnicos do Ministério da Economia, o fato de que a arrecadação de julho atingiu o maior nível em oito anos e superou as estimativas das instituições financeiras indica um início de retomada.

No mês passado, o governo arrecadou R$ 137,7 bilhões, segundo a Receita Federal. As projeções do Prisma Fiscal, pesquisa com instituições financeiras divulgada todos os meses pelo Ministério da Economia, indicavam arrecadação de R$ 133,4 bilhões na mediana (valor central em torno do qual uma medida oscila).

(mais…)

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias

Não passa!

Aliados de Michel Temer que conversaram com os líderes de partidos da base na Câmara fizeram prognóstico pessimista sobre a reforma da Previdência: hoje o

Leia Mais