Agências bancárias de Caicó não respeitam clientes. Lei aprovada na Câmara não é cumprida

Em Caicó as agências bancárias não demonstram o menor respeito pelos clientes.

Elas não têm o menor respeito pelos correntistas ou não. O lucro dado às agências é grande. Mas, ocorrem casos em que as pessoas passam mais de três horas esperando nas filas.

Não disponibiliza – o que é mais grave – de cadeiras para acomodação dos idosos.

É fazer dó e chamar a atenção.

Na Câmara Municipal de Vereadores tem uma lei que diz a pessoa não ficar na fila sem atendimento por mais de meia hora, pois a agência fica sujeita a ser prejudicada.

As agências não estão nem aí.

Bem que o Presidente da Câmara Municipal de Vereadores, José Maria “Sadam Hussein” como chama o seu colega Leleu Fontes, poderia colocar o projeto de lei em prática.

A população agradeceria.

12 respostas

  1. “Leis” como essa existem em quase todos os lugares onde há agência bancária, neste país. As filas que não andam, também, e não serão as ações isoladas das casas legislativas municipais que colocarão ordem nesse estado de coisas. Os vereadores sabem disso, mas, como é praxe, continuam fazendo o seu “marketing”.

  2. Robson,

    Seria justo de sua parte reconhecer que a CEF tem sido uma exceção no atendimento. Pelo que vejo, a agência de Caicó abre antes do horário para atender quem vai ao caixa e receber FGTS, benefícios sociais, etc. Sem ser no horário de verão, enquanto os outros bancos abrem às 10h (horário normal), a CEF abre antes por volta das 8h30min. E lá tem sim cadeira para todos que esperam no caixa.

  3. Amigo Xerife. Sua matéria tem sentido, mas contém alguns equivocos.

    O “projeto” de Lei é de autoria da ex-vereadora Dra. Verônica. E está sancionada, ou seja, jé é LEI.

    Porém NUNCA foi cumprida.

    O poder legislativo tem por obrigação criar Leis. E não as fazer cumprir.

    O órgão responsável para cumprir essa Lei é a prefeitura Municipal de Caicó e o Ministério Público.

  4. X E R I F E – Façamos valer nossos direitos. Já que colocamos nossos representantes lá na Camara Municipal, é hora de exigir dos nossos legisladores que façam valer as nossas leis. Informo de outra maneira como devemos fazer quando achamos que tal agencia não respeita os clientes/correntistas, basta dirigir-se a uma das máquinas no auto-atendimento e passar o cartão, fazer a reclamação de sua agência ou do ponto de auto-atendimento, na opção : outras opções, deixando o numero de um telefone para contato, pode ser celular também, que logo em seguida voce receberá uma ligação de call center para saber o motivo de sua reclamação, onde voce ira relatrar o ocorrido, e logo em seguida o gerente será comunicado da reclamação, onde sera registrado pontuação negativa para a agencia bancaria. No caso da Lei com o município, depois do horário estabelecido em dias normais e/ou em dias de pique, será aplicada uma multa que sera revertido em favor do usuário bem como o PROCOM depois de algumas reclamações poderá solicitar o adequamento da agencia bem como seu fechamento. Os banqueiros cada ano aumentam seu lucro e patrimônio enquanto todos nós usuários não fazemos valer nossos direitos.

  5. Como já foi esclarecido caro Robson, a lei existe, porém quem a executa é o poder executivo e este não cumprindo o seu papel, aí sim Ministério Público.O Municipio poderia multar, cassar alvará de funcionamento, advertir, sei lá o que mais.

  6. Concordo com Milton.>E pedeira aos senhores vereadores aqui de minha cidade,que é a querida parelhas,que tambem façam algo por nossa gente especialmente os clientes do banco do brasil,alias a única agencia que temos. Acho que é por isso que atende tão mal aos clientes.São filas e mais filas,se chega a ficar muito mais de trez horas na espera e na maioria das vezes em pé. outra coiza:os caixas eletronicos na maioria das vezes estão sempre com problemas. É um trantorno prá todos,o peor!não tem a quem RECLAMAR………

  7. Além de não existir fiscalização, acho que praticamente ninguém faz nenhuma reclamação, por isso que é assim.Isso é óbvio!

  8. Xerife, eu quero saber se esse Pedro Fernandes é funcionário da CEF-agência de Caicó, pois lá o atendimento é igual as tantas outras da cidade ou do Brasil, resumindo é uma porcaria.

  9. tai um assunto bom p debate, um anjo ouviu minhas preces, xerife meta a boca no rádio, de uns rasgo lá por todo mundo, quem já naum passou por isso nakeles banco véi de caicó, que mais parecem uma feira de mangai, onde idoso fika em pé 3 horas, politicos e médicos furam fila, falta espaço, sobra gente, um assalto ali num sobra nada nem ninguém, akilo é uma bagunça grande, principalmente no BB, a coisa arcaica!!!!!!!!

  10. Francisco Borges, eu nao sou funcionario, mas falo porque ja precisei dar entrada num FGTS meu e fui atendido na CEF CAICO de 8h30 quando os outros bancos só iam abrir de 10h. Por isso falei, vc pode também conferir o que estou dizendo. Vamo ser justo.

  11. esse povo que lota as agências, na verdade são CONSORCIADOS INADIMPLENTES que atrasm prestações, e nesse caso, PERDEM O DIREITO DE PAGAR NAS MÁQUINAS DE AUTO-ATENDIMENTO…

    CULPA DE QUEM?
    DELES MESMOS, ORA BOLAS…..
    ps: ah, INADIMPLENTE É O APELIDO DE “VELHACO”…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  
Categorias