Dia: 4/05/2024

Janja é criticada por ir ao show de Madonna em Copacabana em meio à tragédia no Rio Grande do Sul

A primeira-dama Rosângela da Silva, conhecida como Janja, chegou ao Rio de Janeiro neste sábado, 04, para acompanhar o show de Madonna na Praia de Copacabana, na zona Sul da cidade. A informação não agradou opositores que não hesitaram em criticá-la. O motivo são as fortes chuvas que deixaram o Rio Grande do Sul em crise nas últimas horas. Até a publicação desta matéria, a Defesa Civil já contava 57 mortos.

De acordo com os deputados federais da oposição, Janja deveria ter acompanhado o marido, o presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT), na visita às áreas afetadas na sexta-feira, 03. Nikolas Ferreira foi irônico.

“Tomara que dê certo, o Brasil está todo focado nisso. Parabéns, Janja”, disse ele. O filho do ex-presidente, o deputado federal Eduardo Bolsonaro postou mensagem similar: “Enquanto isso no Rio Grande do Sul…”. Já Ricardo Arruda (PL-PR) e Zé Trovão (PL-RS) publicaram em seus stories no Instagram uma imagem de Janja junto à frase “Empatia zero”. O paulista Paulo Bilynskyj puxou a hashtag #CancelaMadonna.

(mais…)

Inmet publica alerta amarelo de chuvas intensas em 32 cidades do litoral potiguar

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de perigo potencial devido a chuvas intensas em pelo menos 32 cidades do litoral potiguar. O aviso está em vigor desde a manhã deste sábado 4 até às 10h deste domingo 5.

Segundo o Inmet, a previsão indica que a região do Litoral Norte poderá receber chuvas com volumes entre 20 e 30 milímetros por hora, podendo chegar até 50 milímetros por dia. Além disso, são esperados ventos intensos, com velocidades variando entre 40 e 60 km por hora.

Essa combinação de chuvas e ventos pode resultar, de acordo com o órgão, em “baixo risco de corte de energia elétrica”, bem como queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas.

O Inmet aconselha que, em caso de rajadas de vento, a população evite se abrigar debaixo de árvores devido ao risco de queda e descargas elétricas. Outras recomendações incluem não estacionar veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda, além de evitar o uso de aparelhos eletrônicos ligados à tomada.

Este alerta de perigo potencial, identificado pela cor amarela, é o primeiro na escala de avisos meteorológicos do Inmet, que varia até a cor vermelha em situações de grande perigo.

(mais…)

Milei oferece ajuda ao Rio Grande do Sul

O governo de Javier Milei (foto), da Argentina, divulgou um comunicado neste sábado, 4, em que manifesta solidariedade ao Brasil e oferece ajuda em razão das enchentes que atingem o Rio Grande do Sul.

“A República da Argentina expressa sua solidariedade ao governo e ao povo da República Federativa do Brasil e as mais sentidas condolências aos familiares das vítimas. […] O governo da Argentina põe à disposição das autoridades brasileiras toda a ajuda imediata e os elementos que se mostrem necessários para assistir os prejudicados”, diz nota da chancelaria argentina.

O Ministério das Relações Exteriores do Uruguai também manifestou solidariedade e anunciou o envio de um helicóptero para ajudar no resgate.

“O governo uruguaio, através do Ministério da Defesa Nacional, enviará um helicóptero da Força Aérea Uruguaia e sua tripulação ao Brasil para colaorar com as tarefas de resgate no Rio Grande do Sul”, diz nota da pasta uruguaia.

FAB pede ajuda

(mais…)

Cerca de 800 kms de estradas ruins e péssimas ficam de fora dos primeiros lotes do programa de recuperação de rodovias no RN

Cerca de 800 kms de estradas estaduais classificadas como ruins e péssimas no RN ficaram de fora dos três primeiros lotes anunciados pelo Governo do RN do programa de recuperação de rodovias, que terá custo inicial de R$ 428 milhões. O número corresponde à quantidade de rodovias em pior estado listadas no relatório de monitoramento de estradas do DER, ao qual a Tribuna do Norte teve acesso, que não estão presentes na lista de lotes anunciados pelo governo para o programa. Ao mesmo tempo, centenas de quilômetros em 15 trechos de RNs classificadas como regulares e até em bom estado foram incluídos no Programa de Restauração de Rodovias Estaduais. O Estado diz que usou critérios técnicos para a seleção das rodovias nos primeiros lotes e explica que pretende usar o restante do valor de empréstimo do Programa de Equilíbrio Fiscal (PEF), cerca de R$ 1,6 bilhão, para recuperar o restante da malha rodoviária.

Na semana passada, a Tribuna do Norte publicou reportagem apontando que o plano de recuperação de estradas não seria suficiente para recuperar todas as rodovias estaduais classificadas como ruins e péssimas pelo próprio governo. O relatório de monitoramento interno das rodovias potiguares foi produzido pelo DER, neste mês de abril, a pedido da Controladoria Geral do Estado. Nele, as rodovias estaduais são divididas em sete distritos, com trechos classificados de cinco formas: Ótimo, Bom, Regular, Ruim e Péssimo. O relatório está presente no processo SEI 02510004.00304/2023-41, ao qual a Tribuna do Norte teve acesso.

O relatório não detalha o que qualifica a estrada em determinado critério. A Confederação Nacional de Transportes (CNT) aponta que estradas ruins ou péssimas apresentam problemas graves em sua pavimentação, como buracos, fissuras, desgaste acentuado, além de deficiências na sinalização, acostamento precário e falta de manutenção adequada. Essas condições prejudicam a segurança e a fluidez do tráfego, aumentando os riscos de acidentes e impactando negativamente o transporte de pessoas e mercadorias.

(mais…)

Sobe para 56 o número de mortes causadas pelas chuvas no Rio Grande do Sul

O Rio Grande do Sul já registra 56 mortes devido às fortes chuvas que atingem o estado desde o início da semana. De acordo com boletim da Defesa Civil, 281 municípios foram afetados deixando 8.296 pessoas em abrigos e 24.666 cidadãos desalojados. O número de desaparecidos chega a 67. Há ainda 74 feridos.

Ainda segundo a Defesa Civil estadual, ao menos 350 mil pontos residenciais e comerciais seguem sem energia elétrica: 296 mil pontos são atendidos pela RGE Sul e 54 mil pontos pela CEEE Equatorial.

As consequências das chuvas também seguem afetando os serviços de telecomunicações em todo o estado, dificultando inclusive os trabalhos de resgate. Clientes da operadora TIM de 63 cidades estão sem acesso à telefonia e internet. Usuários da Vivo de 46 municípios também não conseguem acessar os serviços. Já a Claro enfrenta problemas em 19 localidades.

Para tentar minimizar os problemas de conectividade, no meio da semana, as três operadoras liberaram o roaming entre si. Com isso, os clientes de qualquer uma das três podem acessar, temporariamente, a rede das outras duas companhias, conforme a disponibilidade do sinal.

(mais…)

Bolsonaro recebe alta após ser internado com mal estar em Manaus

O ex-presidente Jair Messias Bolsonaro recebeu alta depois de ser atendido em um hospital de Manaus na manhã deste sábado (04). Segundo a equipe médica, o ex-presidente apresentou um quadro de desidratação e complicações decorrentes da erisipela, uma infecção cutânea causada por bactérias que afetam com mais frequência membros inferiores.

Depois de ser atendimento e liberado, Bolsonaro seguiu a agenda na capital amazonense e participou de um evento do PL Mulher conduzido pela esposa e ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro.

Segundo o próprio ex-presidente, antes mesmo de chegar a Manaus, já havia sido alertado por sua equipe médica sobre a necessidade de repouso e tratamento da doença, mas por conta dos compromissos optou por manter a viagem.

Jair Bolsonaro chegou em Manaus na sexta-feira (03) para participar de eventos da pré-candidatura do deputado federal Alberto Neto (PL) à prefeitura da capital do Amazonas.

CNN Brasil

Barragem de Umari, em Upanema, atinge 99% da sua capacidade total

A barragem de Umari, localizada em Upanema, chegou a 99, 48% de sua capacidade total neste sábado (4). Ao todo, o reservatório está com 291.305.265 dos 292.813.650 m3 disponíveis preenchidos. Entre os três maiores reservatórios do Rio Grande do Norte, ele é o mais próximo da sangria. Os dados são do último boletim do Instituto de Gestão das Águas do Estado (Igarn).

Além de Umari, os reservatórios Armando Ribeiro Gonçalves e Santa Cruz do Apodi também apresentam volumes significativos, ultrapassando 80% de suas capacidades. Enquanto o primeiro está com 80,64% do volume total, o segundo aparece com 80,45% de sua capacidade ocupada.

De acordo com o boletim da Igarn, outros 19 reservatórios já alcançaram e mantém a sangria. É o caso do Açude Dourado, localizado em Currais Novos, que apresenta capacidade total de 10.321.600 m3 de volume atingida. O Riacho da Cruz II segue o mesmo ritmo, ocupando 100% da capacidade de 9.604.200 m3 atingido.

Tribuna do Norte

Número de incêndios provocados por curto-circuitos quadruplica no Brasil

O número de incêndios provocados por curto-circuitos quadruplicou no Brasil. Mais da metade dos registros no ano passado aconteceram dentro de residências ou imóveis comerciais.

A economista Maria Fernanda Barbosa teve o apartamento quase todo destruído pelo fogo. A sala inteira e parte da cozinha não escaparam das chamas.

“O que causou o fogo foi alguma coisa da parte elétrica do ar condicionado. Muita fumaça, muita fuligem, e um calor insuportável”, diz a economista. “O prejuízo emocional foi muito grande. Ver o que você fez ser destruído, né?”, relembra.

Um curto-circuito acontece quando a corrente elétrica atravessa um condutor ou um dispositivo com uma resistência menor, o que provoca um superaquecimento. O engenheiro mecânico Maurício Sant’Ana explica que grande parte desses problemas é provocada pelo uso incorreto de “benjamins” (“T”), acessório que permite conectar vários aparelhos elétricos numa mesma tomada.

“Os amperes do benjamin são algo que as pessoas erram muito. Por exemplo, se colocar em um benjamin de 10 amperes um equipamento de oito e outro de 10, não dá certo, não dá conta. Os três pinos esquentam”, explica.

(mais…)

Fátima Bezerra: A desaprovada

Quando um governo atinge altos níveis de desgaste, como é o caso do governo de Fátima Bezerra ao ultrapassar os 70% de desaprovação pode representar um sinal de grande desconforto. Esses níveis indicam uma imensa insatisfação com a gestora do Rio Grande do Norte (RN).

Quem é o “sombra” de Paulinho Freire?

Pelo olhar já dá pra notar, né? O projeto do ‘boçal’ é ser candidato a deputado estadual. O rapaz está pensando alto. Isso se Paulinho Freire for eleito prefeito de Natal (RN).

Lula soma 97 frases controversas desde que voltou ao Planalto

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) acumula 97 falas consideradas controversas desde voltou ao Palácio do Planalto para o seu 3º mandato. Só em 2024, foram 50 declarações do tipo. No ano passado, 55. Os números são de levantamento realizado pelo Poder360 de 1º janeiro de 2023 a 1º de maio.

Dentre as frases ditas pelo petista, 43 podem ser consideradas ofensas a pessoas, minorias sociais ou outros grupos. Já 24 são relacionadas à política internacional, como comentários sobre outros países e guerras, enquanto em 12 ocasiões houve erro de informação.

alt

DISCURSOS NÃO COMBINADOS

Em 1º de Maio, durante evento de comemoração do Dia do Trabalho, Lula pediu votos para o pré-candidato à Prefeitura de São Paulo Guilherme Boulos (SP). O ato contou com dinheiro da Petrobras, e pode configurar como crime eleitoral.

Eis a fala de Lula:

“Só queria dizer para vocês o seguinte: esse rapaz, esse jovem, ele está disputando uma verdadeira guerra aqui em São Paulo. Ele está disputando com o nosso adversário nacional, ele está disputando contra o nosso adversário estadual, ele está disputando contra o nosso adversário municipal. Está enfrentando 3 adversários. Ninguém derrotará esse moço aqui se vocês votarem no Boulos para prefeito de São Paulo nas próximas eleições. Vou fazer um apelo: cada pessoa que votou no Lula em 1989, em 1994, em 1996, em 2006, em 2010, em 2022, tem que votar no Boulos para prefeito de São Paulo.” 

Na 5ª feira (2.mai), Lula removeu de seu perfil oficial no YouTube o vídeo do ato em comemoração ao 1º de Maio depois de decisão do TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo) determinar, em até 48h, a remoção do material.

(mais…)

Governo do RN autoriza início das obras de restauração de rodovias estaduais

A governadora Fátima Bezerra assinou nesta sexta-feira (03), a ordem de serviço para obras de restauração de nove trechos de rodovias estaduais sob jurisdição dos distritos rodoviários de Mossoró e Pau dos Ferros. Eles compõem o Lote 1 do Programa de Restauração de Rodovias Estaduais, recentemente licitado pela Secretaria da Infraestrutura, totalizando 210,5 quilômetros.

Fazem parte do lote, entre outras, a RN-015, trecho entre Mossoró e Baraúna; o trecho Mossoró/Governador Dix-sept Rosado da RN-117, e 41 quilômetros da RN-177, de Pau dos Ferros a São Miguel.
Financiado por recursos da primeira parcela do empréstimo no âmbito do Plano de Promoção do Equilíbrio Fiscal (PEF), no valor de R$ 428 milhões, o programa de restauração de rodovias contempla quase 800 quilômetros de estradas nos sete distritos rodoviários do Estado.

Na solenidade de assinatura da ordem de serviço, realizada no Auditório da Governadoria, com a presença de prefeitos, a governadora Fátima Bezerra disse que este e o primeiro de um total de três lotes, cujos trechos foram selecionados levando em conta as condições de precariedade do piso, a atividade econômica e o fomento ao turismo.

SERVIÇO AUTORIZADO
1° DISTRITO (MOSSORÓ)
RN-015 – Mossoró/Baraúna – 44,0 km
RN-117 – Mossoró/Governador Dix-sept Rosado – 34,0 km
Estrada: Tibau/Grossos – 17,5 km
Total no Distrito: 95,5 km

6° DISTRITO (PAU DOS FERROS)
RN-079 – Entroncamento BR-405/Marcelino Vieira/ Alexandria/Divisa RN-PB – 38,0 km
RN-177 – Rodolfo Fernandes/Entr. BR-405 – 11,0 km
RN-177 – Viçosa/Portalegre – 8,0 km
RN-177 – Francisco Dantas/ Entroncamento BR-226 (Pau dos Ferros) – 8,0 km
RN-177 – Pau Ferros/Encanto/São Miguel – 41,0 km
RN-177 – São Miguel/Coronel João Pessoa – 9,00 km
Total do Distrito: 115,0 km

TOTAL DO LOTE 1: 210,5 km

Alysson vai voltar

Parece que o vídeo gravado pelo prefeito de Mossoró (RN), Allyson Bezerra, na porta do Ministério Público, segurando uma pilha de papéis para enfatizar a transparência de sua gestão, gerou uma resposta irônica de um membro respeitado do MP. A observação sugere que há questões ou preocupações pendentes que podem exigir a atenção contínua de Bezerra e sua administração.

O candidato de Rivelino disparou em Patu (RN)

Pesquisa Consult em Patu (RN) mostra liderança do ex-prefeito Doutor Ednardo com 50% das intenções de votos contra 33,48% do adversário Bruno Carrapicho. Ednardo é apoiado pelo prefeito Rivelino Câmara, que aparece com 64,6% de aprovação.

Entenda novo Código Eleitoral que deve ser votado este mês no Senado

O Senado Federal pretende votar, neste mês de maio, o novo Código Eleitoral. O projeto foi citado pelo presidente do Congresso Nacional, senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG), como uma das prioridades a serem apreciadas nas próximas semanas pela Casa Alta.

O relator do texto, senador Marcelo Castro (MDB-PI), já protocolou seu parecer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), mas continua realizando encontros para discutir a matéria e aperfeiçoar a proposta. Entre as alterações previstas, está a manutenção da cota de 30% de candidatas mulheres por partido, e a previsão do aumento de recursos destinados às candidaturas femininas.

O projeto de lei complementar (PLP) 112/21 une sete leis eleitorais em uma única legislação e já foi aprovada pela Câmara dos Deputados.

Novas regras para federações partidárias

Uma das novidades propostas por Castro é a definição de regras para federações partidárias, que poderão ser constituídas até seis meses antes do pleito. Elas deverão prestar conta de forma autônoma em relação aos demais partidos, com janela de 30 dias.

Entre os pontos que Castro manteve no relatório, está a padronização do período de inelegibilidade para candidatos condenados pela Lei da Ficha Limpa. O prazo passará a contar a partir de 1º de janeiro do ano seguinte à eleição.

(mais…)

Danos no Rio Grande do Sul já chegam a R$ 275 milhões, diz CNM

A CNM (Confederação Nacional de Municípios) calcula que os recursos necessários para cobrir as perdas financeiras com as tempestades ocorridas nos últimos dias no Rio Grande do Sul já somam mais de R$ 275,3 milhões. No setor público, as perdas estimadas são de R$ 59,9 milhões.

Na área de infraestrutura, são estimados R$ 29,5 milhões para a reconstrução de pontes, estradas, calçamento e sistemas de drenagens urbanas. Também foram calculadas cifras para as perdas no sistema de esgotamento sanitário, abastecimento de água e limpeza urbana.

Segundo a CNM, na parte habitacional, as perdas superam R$ 115,6 milhões, com 10.193 casas danificadas e/ou destruídas. No setor privado, são necessários R$ 99,8 milhões para recompor perdas na agricultura, indústria, pecuária e comércios locais.

Consideradas o pior desastre da história do Estado, as tempestades derrubaram pontes, destruíram calçamentos e deixaram 19 barragens em estado de atenção, além de mortos, desaparecidos, desalojados e desabrigados.

Poder360

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias