Dia: 28 de outubro de 2012

Em nota, Rogério Marinho diz que vai fazer oposição a Carlos Eduardo

Este é o momento de desejar boa sorte a Carlos Alves, prefeito de Natal a partir de janeiro. Espero que ele possa recuperar a nossa cidade. Quero elogiar a postura do deputado estadual Hermano Morais e agradecer a todos os natalenses que votaram em nosso nome no primeiro turno e seguiram a nossa orientação no segundo. Vamos manter a chama acesa e nos guardar para os próximos embates, a população democraticamente escolheu o seu prefeito. Quanto ao PSDB, iremos fazer a nossa parte: uma oposição vigilante e propositiva, ajudando a cidade e respeitando a vontade do eleitor.

Rogério Marinho

Deputado federal e presidente estadual do PSDB

Vitória de Carlos Eduardo mexe com o tabuleiro do xadrez para 2014…

Com a derrota de Hermano Morais (PMDB) para prefeito de Natal a coisa fica feia para o lado dos deputados federais Henrique Eduardo Alves (PMDB) e João Maia (PR) que sonhavam em disputar uma vaga para o senado nas eleições de 2014 tem como ponto de partida o principal reduto eleitoral do Estado: Natal. Derrotados por Carlos Eduardo Alves (PDT), Wilma de Faria (PSB) e Robinson Faria (PSD), principalmente, eles agora deverão repensar seus projetos políticos.

Se é que tinham esse desejo mesmo.

O negócio ficou de bom tamanho para a ex-governadora Wilma de Faria, para o vice-governador Robinson Faria e para a deputada federal Fátima Bezerra (PT).

E o resultado não deve ter sido do agrado do senador José Agripino Maia (DEM). A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) ficou neutra. Não participou da campanha. O jogo de xadrez para 2014 está lançado.

Governo… Senado… Câmara Federal… Ai ai ai… ui ui ui…

Já para Carlos Eduardo nada muda…

Para o prefeito eleito Carlos Eduardo Alves (PDT) nada irá modificar. Tranqüilo, ele já declarou que será candidato a reeleição em 2016.

Abstenção no segundo turno chega a 19% e preocupa TSE

Seis milhões dos 31,7 milhões de eleitores aptos a votar no segundo turno das eleições municipais faltaram hoje (28) às urnas. Com quase 100% das urnas apuradas, o número indica que a abstenção no segundo turno ultrapassou 19%, três pontos percentuais a mais que o índice do primeiro turno, de cerca de 16%.

O aumento preocupa o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e será avaliado pela Justiça Eleitoral, disse a presidenta do tribunal, ministra Cármen Lúcia. “Agora cabe aos órgãos tanto da Justiça Eleitoral quanto aos  especialistas e cientistas políticos fazermos essa avaliação, porque qualquer aumento é preocupante. Toda abstenção não é boa”, ressaltou a ministra na entrevista coletiva em que fez um balanço da votação no segundo turno.

“É um dado sobre o qual nós todos vamos nos debruçar para termos verificação adequada do porquê, quais as causas e consequências, e as medidas que podem ser tomadas para convidar com mais eficácia todos os eleitores que desta vez se abstiveram de votar”, acrescentou.

Com mais de 99,6% das urnas apuradas em todo o país, o Maranhão foi o estado com maior índice de abstenção no segundo turno. Dos 678.070 eleitores que deveriam voltar hoje às urnas na capital, São Luís, única cidade do estado com segundo turno, 149.439 não compareceram, 22,04% do total. O Rio de Janeiro aparece em seguida, com 21,55% de abstenção e a Bahia, com 21,4%.

Henrique sobre as Eleições 2012: É só agradecer

No twitter, o presidente estadual do PMDB, deputado federal Henrique, estava fechando as contas no estado: “elegeu 51 prefeitos (31%), 33 vices e 336 vereadores. Maior Partido do RN q agora consolida importante posição em Natal. É só agradecer”.

Carlos Eduardo: Natal passou 4 anos de retrocesso

Na primeira entrevista como prefeito eleito de Natal, Carlos Eduardo destacou que é preciso recuperar a cidade. “Natal tem quatro anos de retrocesso. A cidade não está acompanhando o crescimento do Brasil”, disse.

Ele observou que a cidade de tem investimentos baixos nas obras de mobilidade. “Recebemos menos de R$ 500 milhões para as obras de mobilidade e não conseguimos até este momento, não começamos nem mesmo uma obra”, comentou.

Ele disse que vai correr atrás do prejuízo: “sei o que me espera, mas nós vamos enfrentar”. Ele lembrou que já governou a capital e destacou que “a experiência administrativa ajuda bastante”.

Panorama Político

Dez deputados federais são eleitos prefeitos no 2º turno

Dos 18 deputados que disputaram as eleições municipais neste domingo, dez foram eleitos prefeitos. Ao todo, 25 deputados federais candidatos saíram vitoriosos nesta eleição – um desempenho 9,4% superior ao da eleição de 2008.

Neste ano, 87 deputados federais se lançaram às urnas (81 candidatos a prefeito e seis a vice-prefeito) e 25 foram eleitos (28,7%). Em 2008, foram 93 candidatos e 18 eleitos (19,3%).

Deputados assumirão a prefeitura de seis capitais no próximo ano. Quatro deles foram eleitos neste domingo: Antonio Carlos Magalhães Neto (DEM) foi eleito prefeito de Salvador (BA); Edivaldo Holanda Júnior (PTC) vai comandar São Luís (MA); Zenaldo Coutinho (PSDB) elegeu-se prefeito de Belém (PA); e Dr. Mauro Nazif (PSB) ganhou em Porto Velho (RO). Eles se somam a Teresa Surita (PMDB) e a Rui Palmeira (PSDB), que se elegeram em 1º turno prefeitos de Boa Vista (RR) e de Maceió (AL), respectivamente.

O Rio de Janeiro foi o estado que mais concentrou deputados candidatos neste segundo turno. Eles estiveram na disputa por cinco cidades e saíram vitoriosos em três delas: Alexandre Cardoso (PSB) foi eleito em Duque de Caxias; Nelson Bornier (PMDB), em Nova Iguaçu; e Neilton Mulim (PR), em São Gonçalo.

Também foram eleitos prefeitos neste domingo os deputados Paulo Piau (PMDB), em Uberaba (MG); Romero Rodrigues (PSDB), em Campina Grande (PB); e Jonas Donizette (PSB), em Campinas (SP). Os deputados eleitos prefeitos em assumirão o novo cargo em 1º de janeiro de 2013, quando serão substituídos por suplentes eleitos pela coligação.

Prefeito eleito no Seridó poderá não assumir o cargo. Essa o jumento vai rinchar

Uma bomba de efeito retardado deverá ser detonada nos próximos dias em uma cidade da região do Seridó e um prefeito eleito poderá não assumir o cargo. A coligação adversária está municiada de denúncias de crimes eleitorais até os dentes. É de deixar qualquer um de cabelo em pé. As denúncias são graves e com provas documentais. As denúncias estão sendo encaminhadas a Justiça Eleitoral.

Nitroglicerina pura. O blogue não adianta o nome do município para não atrapalhar as investigações. Mas, o prefeito eleito venceu com uma diferença mínima. Já é uma dica. Coisa de cerca de 40 votos.

Essa o jumento vai rinchar!

Procissão encerrou Festa do Rosário 2012 em Caicó

Foi encerrada neste domingo (28) da Festa do Rosário 2012, realizada pela Paróquia de Sant’Ana de Caicó. Às 10h foi celebrada a missa solene da festa. Às 16h30 aconteceu a solene procissão de encerramento presidida pelo administrador diocesano, padre Ivanoff da Costa Pereira, e demais membros do clero.

Em sua homilia, padre Ivanoff lembrou a importância do Sínodo 2012, encerrado nesse final de semana pelo papa Bento XVI, onde afirma que a Igreja Católica tem de apostar no diálogo cultural e no testemunho pessoal de fé para promover uma ação de nova evangelização nos cinco continentes.

“Para que o mundo possa reencontrar Deus, renovando sua fé se colando à escuta da Palavra Dele, acolhendo aqueles que estão distantes do Evangelho para conhecer o seu Filho” e “Maria como a estrela da nova evangelização”, completou o administrador diocesano.

Após o termino da missa campal, aconteceu o arreamento do estandarte do Rosário e a transladação do reinado atual para o novo Rei e Rainha que ficarão no posto até 2013.

 

Em nota, Micarla cumprimenta prefeito eleito de Natal

Gostaria de cumprimentar a todos os cidadãos e cidadãs, eleitores e eleitoras natalenses pela demonstração de civilidade e apreço à Democracia, dada no dia de hoje quando foram às urnas para mais uma vez escolher o nosso prefeito. Aproveito para cumprimentar o prefeito eleito, desejando que seja intérprete da vontade popular e que, ao longo de sua administração, logre êxito nos projetos com que se comprometeu em implantar ou dar continuidade e que possa, assim, atender aos anseios de toda a população. Que ele governe sem ódio, com o olhar voltado para o futuro desta terra tão especial e que receba o apoio de todos quantos possam contribuir. Rogo, enfim, a Deus para que cubra de bênçãos o nosso futuro governante.

Natal, 28 de outubro de 2012

Micarla de Sousa
Prefeita de Natal

Maioria de Carlos sobre Hermano foi de 61.165 votos ou 16,62%

Com a finalização da apuração em Natal o resultado foi o seguinte:

Carlos Eduardo (PDT) obteve 214.687 votos o que representou 58,31%.

Hermano Morais (PMDB) obteve 153.522 votos o que representou 41,69%.

A maioria foi de 61.165 votos. O que representa um percentual 16,62%.

Fábio e Robinson Faria comemoram eleição de Carlos Eduardo

Terminada a apuração que apontou Carlos Eduardo (PDT) o novo prefeito de Natal, o vice-governador Robinson Faria e o o deputado federal Fábio Faria (PSD) avaliam que o resultado reflete o anseio da população natalense pela retomada do crescimento da cidade, de políticas públicas nas áreas de saúde, educação e social.

“O PSD entende que Carlos Eduardo será o prefeito a colocar em prática ações e projetos capazes de promover esse resgate da cidade de Natal, e por isso, apoiamos sua eleição e estaremos ao seu lado neste novo mandato”, afirma o deputado.

Fábio Faria votou à tarde no colégio eleitoral da UnP de Ponta Negra. Acompanhou a apuração em sua residência ao lado do vice-governador Robinson Faria, da deputada federal Sandra Rosado, deputado estadual Jose Dias, deputada estadual Larissa Rosado, ex-deputados Wober Júnior e Laíre Rosado.

Após o resultado da apuração, todos foram cumprimentar o prefeito eleito.

Carlos Eduardo é eleito prefeito de Natal

Carlos Eduardo Alves, candidato do PDT, foi eleito neste domingo (28), em segundo turno, o novo prefeito de Natal. Segundo a Justiça Eleitoral, Carlos Eduardo já é considerado matematicamente eleito com 91% das urnas apuradas. Até o momento, ele já recebeu 193.288 votos, o que equivale a 57,91% do total de votos válidos.

O candidato do PMDB, Hermano Moraes, tem até o momento 140.465 votos, o que corresponde a 42,09% do total válido.

Com a vitória, Carlos Eduardo Alves assume a Prefeitura de Natal pela terceira vez. O pedetista esteve à frente da disputa desde o início. Entre suas principais bandeiras de campanha estava a recuperação da capital do Rio Grande do Norte, com investimentos na área da Saúde e Transporte Público. Hermano Moraes teve o apoio do vice-presidente do Brasil, Michel Temer, que durante a campanha veio a Natal duas vezes para participar de comícios do peemedebista, mas não conseguiu reverter o resultado.

Através da Coligação União Por Natal, Carlos Eduardo teve o apoio do PDT, PTN, PPS, PSB, PPL, PRB, PSD e PHS.

Carlos Eduardo segue na dianteira em Natal

Com 863 urnas apuradas em Natal o ex-prefeito Carlos Eduardo(PDT) segue na dianteira com 145.402 votos, equivalente a 57,13%. Já o candidato do PMDB Hermano Morais tem 109.121 votos equivalente a 42,87%.

Faltando apenas 385 urnas a serem apuradas, se continuar no mesmo ritmo, o prefeito eleito deverá ser Carlos Eduardo.

Carlos Eduardo é o novo prefeito de Natal e Wilma de Faria a vice

Dificilmente ocorrerá alguma alteração no resultado da eleição para prefeito de Natal. O resultado até agora vem correspondendo aos números das últimas pesquisas. Carlos Eduardo Alves é o novo prefeito de Natal e a ex-governadora Wilma de Faria a vice-prefeita. Assim que terminar a apuração o prefeito eleito receberá a imprensa na sede do PDT no Bairro de Tirol.

Bem feito! Lewandowski é xingado de ‘bandido e corrupto’ após votar em São Paulo

Lewandowski é xingado de ‘bandido e corrupto’ após votar em São Paulo

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, foi vaiado e xingado de ‘bandido, corrupto, ladrão e traidor’ na saída da Escola Estadual Mario de Andrade, em Campo Belo, Zona Sul de São Paulo, local onde vota.

Pouco antes de ser reconhecido, ele disse que a reação popular em todo o país tem sido de cumprimentos e pedidos para tirar fotos.

– Votei normalmente. Entrei pela porta da frente e como qualquer cidadão entrei na fila. Tudo na maior tranquilidade. Isso é democracia, liberdade. As reações agora (os xingamentos) são normais. Estou aqui com vocês (jornalistas) e muito exposto – disse, já nervoso com os gritos e sendo puxado pelos assessores.

O revisor do processo do mensalão afirmou que o julgamento não teve nenhuma influência nas eleições deste ano. Segundo ele, os eleitores brasileiros estão maduros e conscientes para fazer suas escolhas, sobretudo porque o país tem uma imprensa livre ‘que vem apresentando todos os ângulos das questões em debate no julgamento’.

– Uma coisa é o julgamento. Outra coisa são as eleições. O povo brasileiro está muito maduro para fazer suas escolhas – disse o ministro.

Sobre o sua atuação no julgamento, contrária à maioria dos colegas do STF, justificou que esse é o papel do revisor, de trazer contrapontos e uma segunda opinião, outras perspectiva sobre os mesmos fatos.

 

Gustavo Fruet é o novo prefeito de Curitiba

 

Gustavo Fruet tem 49 anos e é filho do ex-deputado federal Maurício Fruet. Começou na política como vereador, eleito em 1996 pelo PMDB. Em 1998, após a morte do pai, chegou à Câmara dos Deputados. Em 2004, tentou se candidatar a prefeito pelo PMDB, mas não conseguiu e filiou-se ao PSDB, pelo qual foi eleito em 2006 deputado federal. Em 2010, disputou uma cadeira no Senado e ficou em terceiro lugar. Em 2011, deixou o PSDB e foi para o PDT.

Militantes do PT agridem jornalistas em São Paulo

A votação do ex-deputado federal José Genoino (PT-SP) terminou em confusão na tarde deste domingo (28) na Zona Oeste de São Paulo. Militantes cercaram o petista e impediram que os jornalistas chegassem perto do ex-presidente do partido. Genoino vota na Universidade São Judas, no Butantã. Houve confusão e jornalistas foram agredidos.

Genoino foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal no processo do mensalão, por corrupção ativa e formação de quadrilha.

Fortaleza: Boca de urna do Ibope dará a vitória de Roberto Cláudio

A prefeita Luizianne Lins (PT), de Fortaleza, convocou há pouco eleição coletiva para denunciar compra de votos e abuso de poder econômico por parte de Cid Gomes (PSB), governador do Ceará.

Em instantes, Roberto Cláudio, o candidato de Cid, terá sua vitória anunciada pela pesquisa de boca de urna do Ibope.

 

ACM Neto se elege prefeito em Salvador, segundo Ibope

 O anúncio oficial será feito em breve.

ACM Neto, do DEM, se elegeu prefeito de Salvador, segundo pesquisa de boca de urna do Ibope. Derrotou Nelson Pelegrino, do PT.

Lula foi a Salvador duas vezes fazer comícios por Pelegrino. Dilma, uma.

Paul McCartney nega que Yoko Ono tenha causado o fim dos Beatles

Paul McCartney nega que Yoko Ono tenha causado o fim dos Beatles

Em uma entrevista com o apresentador britânico David Frost, marcada para ir ao ar no próximo mês, Paul McCartney nega definitivamente as especulações de que o relacionamento de Yoko Ono com John Lennon teria provocado a separação dos Beatles.

Segundo ele, embora a presença da artista japonesa nos ensaios realmente atrapalhasse, o destino da banda era inevitável. “Yoko certamente não separou o grupo, o grupo já estava se separando”, disse McCartney, em declaração adiantada pelo jornal The Guardian.

Paul declarou ainda que Yoko, alvo da antipatia de fãs desde 1970, ano da dissolução dos Beatles, foi responsável por expandir os horizontes de Lennon para a arte e que, sem ela, dificilmente músicas como “Imagine” existiriam.

“Não acho que ele teria feito nada disso sem Yoko. Quando ela apareceu, parte de seu apelo era o lado avant garde, sua visão das coisas, e mostrou a ele um novo jeito de ser. Então era hora de John sair, com certeza faria isso de um jeito ou de outro”, afirmou, lembrando que a o grupo acabou na hora certa, para deixar um legado “bacana”.

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias