Nova assembleia na Bahia pode encerrar greve da PM

A greve de militares na Bahia pode estar perto do fim, segundo representantes da Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares (Aspra). A categoria promove uma assembleia neste sábado, a partir das 16h, para tratar dos temas ainda pendentes de negociação.

A associação adianta, no entanto, que não basta as lideranças sindicais desejarem o fim da paralisação, pois essa decisão só será tomada pela categoria como um todo. Um dos pontos cruciais para o fim do movimento é a anistia administrativa dos policiais e bombeiros, mas não a criminal, porque aqueles que cometeram delitos devem responder na Justiça Comum.

A Aspra é a única entidade que defende a manutenção da greve e atualmente está sem líder. Seu presidente, o ex-policial Marco Prisco, foi preso na quinta-feira (9) acusado de ter combinado ações de vandalismo em Salvador. Desde então, ninguém assumiu a liderança do movimento e os outros representantes da Aspra preferem não ser identificados com medo de serem presos.

A greve da PM da Bahia perdeu força na última quarta-feira (8) depois da divulgação de gravações mostrando líderes sindicais negociando atos de vandalismo. Os policiais começaram a retornar ao trabalho no dia seguinte e, segundo o comandante-geral, coronel Alfredo Castro, 85% do efetivo já estavam nas ruas. Ele também informou que os grevistas que insistissem no movimento, a partir de então, teriam o ponto cortado e sofreriam sanções administrativas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2024
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  
Categorias