Ministro da Justiça diz que Brasil precisa de mais armamento e causa polêmica

alexandre_moraes

Em declaração na Cidade da Polícia, no Rio de Janeiro, na terça-feira (16), o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, afirmou que o Brasil precisa de menos pesquisa em segurança e mais armamento. As palavras do ministro, claro, causaram polêmica.

Para o sociólogo e coordenador do Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança Pública (Crisp/UFMG), Claudio Beato, o ministro demonstrou uma “ignorância atroz” em relação ao funcionamento da segurança pública e da própria indústria bélica.

“Não existe desenvolvimento sem pesquisa. Nem a indústria da guerra prescindiu em algum momento da história mundial do conhecimento acadêmico. Não há como uma coisa funcionar sem a outra. Inclusive, a nossa indústria bélica precisa muito de pesquisa para desenvolver armamentos melhores para os nossos policiais”, comenta Beato.

2 respostas

  1. Para o sociólogo bandido bom é bandido solto. Queria saber para que serve essas asneiras de estudos que tanto fazem para tentar repassar que os marginais são “vítimas” do povo…

  2. Com toda razão o Ministro da Justiça. Dar ouvidos a esses sociólogos “ispicialista” em segurança pública é que provocou o absurdo aumento na criminalidade que assola a população. Mais armas, menos crimes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

outubro 2021
DSTQQSS
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31 
Categorias