Governo e PT divergem sobre fim de obrigação da Petrobras de explorar o pré-sal

O Palácio do Planalto não avalia como negativa a aprovação, no Senado, do projeto de lei que acaba com a participação obrigatória da Petrobras na exploração do petróleo do pré-sal. Embora tenha sofrido críticas de senadores petistas que dizem ter sido abandonados pelos ministros da presidenta Dilma Rousseff em plena votação, o governo avaliou que havia uma chance real de derrota ainda maior no plenário, caso continuasse insistindo em derrubar o projeto, e por isso optou por uma solução alternativa.

De acordo com interlocutores do Planalto, a ideia inicial era manter a atual política de exploração, mas alguns fatores foram decisivos para a mudança de orientação, como a conjuntura atual do Congresso mais favorável a pautas mais liberais e o cenário do setor no momento, já que o preço do petróleo caiu fortemente nos últimos meses e está valendo US$ 30 o barril.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

janeiro 2022
DSTQQSS
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031 
Categorias