Câmara Municipal de Pau dos Ferros cassou dois vereadores hoje. OAB de Caicó quer cassar três

claudio-sandegy-custom.JPG

De acordo com matéria de F. Gomes publicada na edição de hoje do Diário de Natal a subsecção da OAB em Caicó vai provocar o Ministério Público Eleitoral visando substituir três vereadores pelos seus suplentes, tomando como base o fato deles terem mudado de partido após as últimas eleições.

Os vereadores alvos da ação são Cláudio Sandegi, que trocou o PT pelo PV; Verônica Alcântara, que pulou do PSB para o PMDB e Alisson Gurgel também eleito pelo PSB, que foi para o PMN.

A OAB de Caicó estará reunida esta semana com a finalidade de encaminhar o pedido ao Ministério Público Eleitoral. Quem dirige a Ordem em Caicó é o advogado e x-vereador Janduí Fernandes.

Se o pedido da OAB for acatado pelo MP Verônica Alcântara corre o riso de perder o mandato para o suplente Sandoval da Silva; Alysson Gurgel perderá o mandato para Edevaldo Maia e Cláudio Sandêgi (veja foto) seria substituído por Gilberto Costa.

Do blog: Os suplentes de vereadores em todo o país estão se movimentando em busca dos mandatos dos titulares. Os primeiros casos de cassação já estão acontecendo.

Hoje em Pau dos Ferros, por exemplo, a Câmara Municipal de Vereadores deu posse a dois suplentes: Jean Carlos, do PP, e Heldo Holanda do PMDB. Ocuparam as vagas dos titulares Ismael Mendes que deixou o PP e está sem partido, e Socorro Cunha, que foi para o DEM e deixou o PMDB.

Tudo isso em pleno feriado de primeiro de Maio. O negócio não está de brincadeira não!

Voltando ao caso de Caicó, se os três vereadores forem cassados será bom para o prefeito Bibi Costa. De uma lapada só ele perde três adversários e ganha três aliados: Sandoval, Edevaldo e Gilberto Costa. Sua bancada na câmara ficaria bastante fortalecida.

Teria o dedo do prefeito Bibi Costa aí por trás?

Respostas de 4

  1. Que me perdoe o Sandegy, mas o STE está mais do que correto e o TCE deve acatar os pedidos da OAB ou mesmo dos presidentes das câmaras municipais para substituírem aqueles que cometeram infidelidade partidária. É necessário que haja moralização nacional e a fidelidade partidária deve estar acima dos interesses dos políticos e para isto existe o coeficiente eleitoral que beneficia os partidos coligado e seus representantes. Portanto, os cargos públicos pertencem aos partidos e não a seus candidatos. esperamos que todos os políticos do estado do RN que cometeram esta cometeram esta prática, sejam punidos com a perda de mandatos, pois, só assim é extinguida a velha prática de só querer se “escorar em pau que dá sombra”.

  2. Robson,
    Vi a matéria do diário de Natal, onde a OAB-Caicó, através do Advogado Jandui Fernandes, diz que, vai provocar o Ministério Público, com relação aos Vereadores que mudaram de partido, ele fala como no tempo de Nilson Dias, que segundo ele iria parar na cadeia e o que vimos foi que todos os processos que deu entrada foram arquivados, será que vai acontecer o mesmo?

  3. Caro Robson, estava lendo o seu e com respeito aos vereadores que perderiam o mandato no caso de Drª Veronica quem asume o cargo é o medigo Nilson Dias pois o suplente Sandoval. Por dois motivos as contas dele na campanha passada não foram aprovadas e ele tambem mudou de partido, gostaria de te parabenisar por este belicimo blog um abraço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

julho 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

Moro vence

Até aqui, Sergio Moro sai ainda maior da audiência na CCJ do Senado. O ministro deixa claro a importância da Lava Jato para o combate

Leia Mais