Dia: 9 de abril de 2009

Rosalba Ciarlini não descarta aliança com o deputado federal João Maia

rosalba-e-joao-feijoadaA senadora Rosalba Ciarlini, DEM, concedeu uma entrevista ao blog nesta quinta feira, dia 9 de março, em Caicó. Fala de muitas coisas. Religiosidade, crise nas prefeituras e… política. Mesmo que insistentemente instigada por este blogueiro.

Eis os principais trechos:

– 1) Que avaliação a senadora faz da visita ao Seridó?

Rosalba: foi um dia de muita alegria. De encontrar amigos. Visitar vários municípios e estar também unindo os nossos corações e as nossas mentes em orações aqui no Seridó.
– 2) Senadora, politicamente o que é que rendeu esses encontros com essas lideranças políticas da região?

Rosalba: Olhe! Foi muito importante para que a gente pudesse ouvir nas cidades do Seridó as dificuldades que os prefeitos estão enfrentando neste momento. Dificuldades que nos já tínhamos relatos. Mas, é diferente a gente ir ao município. Conhecer de perto. De estar com as lideranças todas e de também ouvir as reivindicações. Nós estamos reivindicando compensações para atender os municípios. Buscando alternativas.
– 3) Do jeito que estão os municípios agüentam?

– Rosalba: Do jeito que está é difícil. Não dá com esse orçamento. Tem pagamento da folha. Repasse para a câmara municipal e essa receita cai para 40%. Então é muita dificuldade. O prefeito tem que ter muita criatividade. Mas, o governo já estuda uma maneira de compensar aos municípios.
0904200915381– 4) Senadora, a governadora Wilma de Faria foi pro Rio de Janeiro, Garibaldi Alves, também. João Maia, Zé Agripino e Henrique foram para os Estados Unidos. Porque a senhora veio ao Seridó. Foi uma estratégia política ou apenas religiosa?

Rosalba: (risadas) É de religiosidade. O Seridó tem uma história de fé. Eu quis conhecer essa religiosidade e fé. E também conhecer a encenação da Paixão de Cristo de Carnaúba dos Dantas.
– 5) Mas, houve uma manifestação política em favor do seu nome em Jardim do Seridó. Isso lhe deixou feliz?

Rosalba: Foi uma alegria muito grande retornar a Jardim do Seridó. Estive com o prefeito, com os vereadores, lideranças e com aquela multidão que me deixou muito feliz. A maneira carinhosa como fui recebida. Me deu muito estímulo para continuar trabalhando.  Fazendo que eu trabalhe ainda mais o meu mandato. E não foi só em Jardim do Seridó. Foram em todas as cidades: São João, São José, Caicó…
– 6) Senadora, na casa do ex-prefeito Manoel Torres, PMDB, a senhora não foi rezar. Foi fazer uma visita de cortesia a uma das últimas reservas morais da política desse estado. O que achou da conversa, da sua lucidez. Ele tratou de sua candidatura ao governo do Estado?

Rosalba: Olhe! Vindo a Caicó é natural, algo imperioso visitar Manoel Torres. Porque realmente ele é uma reserva moral da política do estado. Ele é um exemplo. Com ele recebo lições de democracia. Ele é um exemplo para todos nós.
– 7) A senhora pediu o voto de Manoel Torres?

Rosalba: Eu não fui falar política. Eu fui fazer uma visita a uma pessoa que admiro. E que tenho como amigo.

– 8) A senhora declarou hoje que o primeiro voto pro senado é pra José Agripino Maia, DEM. O segundo será para Garibaldi Alves se acontecer uma aliança entre o DEM e o PMDB. Mas, Garibaldi, ao contrário, diz que a candidata dele ao governo é Rosalba Ciarlini. A senhora não estaria sendo injusta?

Rosalba: Robson, eu acho que você entendeu errado. Eu sempre digo que o primeiro voto é de Zé Agripino que é do meu partido. É Natural. Quero que ele continue como senador. E Garibaldi também. Eu já disse diversas vezes que teria como candidato José Agripino e que quero votar em Garibaldi também para senador.
– 9) Indiferente se haja aliança entre o DEM e o PMDB ou não?

Rosalba: olhe! Eu não posso fazer aqui prognóstico. Hoje minha preocupação é com trabalho. O trabalho em parceria de Rosalba, Zé Agripino e Garibaldi. Todas as nossas ações são conjuntas. Estamos trabalhando juntos.
– 10) O deputado federal João Maia disse uma certa vez que não teria nenhuma dificuldade de ficar do seu lado. Não teria nenhum constrangimento. Hoje a senhora declarou que não teria também nenhum constrangimento de um entendimento político com João Maia e até uma aliança. É possível essa reciprocidade?

Rosalba: João Maia tem feito um trabalho muito importante em defesa de sua região e do nosso Estado. Temos uma convivência muito saudável em defesa de vários projetos pro Estado. Então, não vejo nenhuma dificuldade. A nossa vontade é de ver um Rio Grande do Norte mais desenvolvido. Com mais justiça social. Pode ficar certo. Não teremos nenhuma dificuldade de somar com João Maia e formarmos uma aliança em favor do nosso estado.

– 11) No outro lado tem muita gente querendo o governo do Estado. Se João Maia for preterido há lugar no seu sistema para acomodar acomodá-lo?

Rosalba: Eu acabei de dizer que não há nenhuma dificuldade. Política se faz somando. Política se faz conversando e em busca do bem comum.
– 12) João Maia seria um bom vice para Rosalba?

Rosalba: Olha como Robson é insistente! Nós ainda não estamos falando de candidaturas. Ainda tá cedo. A vida diz que tem tempo de plantar e tem tempo de colher. Tempo de falar e tempo de calar. E agora o tempo é de trabalhar para corresponder aos anseios da sua senadora.

– 13) E o tempo do blogueiro é tempo de perguntar?

Rosalba: (risadas) Com certeza. Está no seu direito. (mais risadas).

A entrevista completa será levada ao ar na próxima segunda feira, dia 13 de abril, no programa Censura Livre da Rádio Rural AM de Caicó. Às 11 horas.

Foto: Rosalba e João Maia

O feriadão dos políticos. É o fraco!!!

O feriadão de quem pode.

 Quem não pode se sacode. Fica aqui mesmo na beira do açude Itans que é o cartão postal mais bacana do mundo.

E tenho dito!

bomba-de-wilma– A governadora do Rio Grande do Norte, Wilma de Faria, PSB, escolheu o Rio de Janeiro para passar o feriado da semana santa. Pra ela o RN está uma bomba!

– O Senador Garibaldi Alves Filho, PMDB, acompanhou os passos da guerreira e foi terminar na cidade maravilhosa onde passa o feriado: Rio de Janeiro. Vai assistir neste sábado, dia 11 de abril, Vasco e Botafogo. Vê se não bota “tinha” no Vascão, hein Gari?

– E…

– O Senador José Agripino, DEM, o deputado federal, João Maia, PR, e o deputado federal Henrique Alves, PMDB, foram para a terra de Barack Obama: EUA. Deviam até fazer uma conferência com o negão.

via_crucis_da_rosa1– A senadora Rosalba Ciarlini, DEM, preferiu percorrer os caminhos do Seridó: Caicó, São José do Seridó, Jardim do Seridó e São João do Sabugí.

Em Caicó visitou Manoel Torres, PMDB. Político de vergonha. E foi recepcionada com um jantar pelo ex-prefeito Roberto Germano, PC do B.

Inté!

Rosalba Ciarlini e Ivonete Dantas visitam prefeito de São José do Seridó

jackson-ivonete1A suplente de Senadora Ivonete Dantas, PMDB, esteve na manhã desta quinta-feira, dia 9 de abril, na residência do Prefeito de São José do Seridó, Jackson Dantas, PMDB, acompanhada da senadora Rosalba Ciarlini, DEM.

A ex-deputada estadual e atual suplente da Senadora Rosalba Ciarlini tem muitas chances de assumir a vaga parlamentar mossoroense se ela for candidata ao Governo do Estado nas eleições de 2010 e consiga vencer a disputa.

O primeiro suplente Garibaldi Pai não deseja assumir, pois enfrenta problemas de saúde e Ivonete deverá assumir a vaga de Rosalba.

Quando se comentou sobre a situação política de São José do Seridó, Ivonete não pestanejou e disse que estará onde Rosalba estiver.

Ivonete assumindo o Senado será a primeira mulher do Seridó a assumir o cargo.

SENADORA ROSALBA FAZ ELOGIOS A ADMINISTRAÇÃO DE JACKSON

Num café da manhã oferecido pelo Prefeito de São José do Seridó á Senadora Rosalba Ciarlini e a Suplente Ivonete Dantas não faltaram elogios ao prefeito da cidade pela sua administração.

‘’Jackson pegou uma prefeitura com inúmeros problemas sem falar no FPM que vem castigando as prefeituras e mesmo assim vem realizando um grande trabalho’’, disse Rosalba.

 Carlos Felipe – Assessoria de Imprensa

Rosalba Ciarlini comete injustiça com Garibaldi Alves no Seridó

gari-recebe-prefeitos-para-almocoSe não cometeu uma gafe nesta quinta feira, dia 9 de abril, em Caicó, a senadora Rosalba Ciarlini, DEM, foi no mínimo deselegante com o senador Garibaldi Alves Filho, PMDB.

Instigada pela imprensa local a responder quem seria os seus candidatos ao senado caso ela vá disputar o governo do Estado nas eleições de 2010 Rosalba nem pestanejou e foi claríssima: o meu primeiro voto será para o senador José Agripino Maia, DEM.

Em relação ao segundo voto o meu desejo é votar na reeleição do senador Garibaldi Alves Filho, PMDB. Mas, vai depender da permanência ou não da aliança política entre o DEM e o PMDB.

Tá vendo?

O coitado do senador Garibaldi Alves diz em todo lugar do mundo que sua candidata ao governo do Estado é Rosalba Ciarlini. Independente ou não de aliança!

Ela cometeu uma injustiça com Garibaldi. Creio eu.

Rosalba Ciarlini X João Maia: estão bem afinadinhos!

rosalba-e-joao-feijoada-umUm certo dia disse o deputado federal seridoense, João Maia, Presidente da Executiva Estadual do Partido da República no Rio Grande do Norte nos alpendres da Fazenda Bom Lugar, de sua família, localizada nos arredores de sua cidade natal Jardim de Piranhas:

“Eu não tenho nenhuma dificuldade de conviver política com a senadora Rosalba Ciarlini, DEM, quer seja ou não para apoiá-la para qualquer projeto político. Minha relação com ela é das melhores”.

Hoje, dia 9 de abril, em Caicó, a senadora Rosalba Ciarlini retribuiu em dobro o gesto do deputado federal João Maia ao declarar:

“Eu não tenho nenhuma dificuldade de conviver politicamente ou mesmo “fazer uma aliança” com o deputado federal João Maia por quem tenho uma profunda admiração”.

Só faltaram os respeitosos beijinhos. Humm… sei não!

Um certo dia disse o deputado federal seridoense, João Maia, Presidente da Executiva Estadual do Partido da República no Rio Grande do Norte nos alpendres da Fazenda Bom Lugar, de sua família, localizada nos arredores de sua cidade natal Jardim de Piranhas:

“Eu não tenho nenhuma dificuldade de conviver política com a senadora Rosalba Ciarlini, DEM, quer seja ou não para apoiá-la para qualquer projeto político. Minha relação com ela é das melhores”.

Hoje, dia 9 de abril, em Caicó, a senadora Rosalba Ciarlini retribuiu em dobro o gesto do deputado federal João Maia ao declarar:

“Eu não tenho nenhuma dificuldade de conviver politicamente ou mesmo “fazer uma aliança” com o deputado federal João Maia por quem tenho uma profunda admiração”.

Só faltaram os respeitosos beijinhos. Humm… sei não!

 

 

Carnaúba dos Dantas tem a mais antiga Paixão de Cristo do Estado

paixao-hojeA maior e mais antiga encenação da paixão de cristo do Rio Grande do Norte começa hoje, às 19h, na cidade de Carnaúba dos Dantas e segue até amanhã (às 16h30). Mais de 150 moradores do município, como agricultores, ceramistas, participam como atores de um dos atos mais marcantes da história da humanidade. A Praça dos Romeiros – na cabeceira do Monte do Galo – é o palco tradicional do espetáculo há 35 anos. Este ano a encenação conta com nova estrutura e público pagante reduzido para melhor conforto e visibilidade.

O espetáculo reúne tradicionalmente entre 10 a 15 mil pessoas em torno da Praça dos Romeiros. Cerca de 30% do montante é responsável pelo pagamento de R$ 5 para cobrir os custos da apresentação e preencher os assentos mais próximos à Praça. Este ano a prefeitura preferiu aumentar o número de pagantes para R$ 5 mil e fechar os arredores da praça e proporcionar melhor conforto. ‘‘O espetáculo perdia público a cada ano pela falta de logística oferecida. Estava se segurando apenas na tradição’’, disse o secretário de Turismo e Cultura do município, João Batista.

João é também maestro, conhecido como João da Banda e já interpretou Herodes na encenação nos anos 90. Foi dele a idéia de fechar o espetáculo e oferecer melhor estrutura aos atores e pagantes. Para este ano foi convidado um diretor de teatro – Júnior Santos – para proporcionar noções teatrais até então inéditas aos moradores partícipes do espetáculo e, posteriormente, irá ministrar oficinas teatrais na cidade; iluminação, sonorização e estrutura de camarote e banheiros químicos, também ausentes nas apresentações anteriores e motivos para o afastamento gradativo da platéia formada por devotos, curiosos e turistas.

O intuito de João da Banda é revitalizar o espetáculo. As metas para o próximo ano são mais ousadas. Segundo João, a idéia de fechar o espetáculo para um público pagante será mantida, mas expandida para as mesmas 15 mil pessoas que tradicionalmente acompanham a encenação. Outra idéia é trazer um artista global para viver o papel de Cristo, além de estrutura ainda mais otimizada, com palco e mais assentos.

O espetáculo da paixão de Cristo encenado em Carnaúba dos Dantas foi idealizado por Antônio Felinto, morador do Monte do Galo – local onde até o início da década de 80 era encenado o ato final da crucificação de Jesus. Nos primeiros anos da apresentação, os primeiros atos começavam na Praça dos Romeiros até a subida do Cristo carregando a cruz pela íngrime ladeira até o cume do Monte do Galo – um sacrifício real aos atores, extinguido em fins da década de 70 para início de 80, ficando toda a encenação restrita à Praça dos Romeiros.

Paixão de Cristo Carnaúba dos Dantas

Data: Hoje (às 19h) e amanhã (às 16h30)

Local: Praça dos Romeiros

Valor: R$ 5

Isso é um rabo muito cheio: senadores gastam R$ 6 mil reais mensais em celular. Dinheiro da gente…

celular-novoO Senado gastou R$ 8,6 milhões com pagamento de contas de telefones celulares no ano passado, de acordo com dados do Siga Brasil (sistema de acompanhamento dos gastos de orçamento da Casa). Em média, o gasto por congressista foi de ao menos R$ 6.126 mensais, numa conta conservadora.

Segundo a Secretaria de Telecomunicações do Senado, a Casa detém 232 aparelhos, dos quais 110 estão com senadores. Os demais, 122, são destinados a servidores com cargo de chefia. O responsável pela distribuição é o diretor-geral.

Até março, o máximo que um funcionário do Senado podia gastar com celular era R$ 350 -para servidores com função comissionada número 9, a mais alta. No dia 18, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), rebaixou esse valor para R$ 300. Já para diretores com funções comissionadas números 7 e 8, o teto estabelecido foi, respectivamente, de R$ 200 e R$ 250. Senadores não têm limite de gastos.

Levando-se em consideração o máximo que um servidor pode gastar, conclui-se que as despesas dos celulares dos servidores foram de R$ 512.400 em 2008. Portanto, o restante do total gasto pelo Senado, R$ 8 milhões, é referente aos 110 aparelhos dos congressistas -num cenário em que todos os servidores gastassem o teto da função mais alta. Dividindo o valor por 12 meses chega-se à conclusão de que os senadores gastaram em média R$ 6.126 mensais por aparelho.

A Folha consultou as operadoras TIM e Vivo, que prestam serviço ao Senado, para saber quanto um cliente pessoa física pode falar ao celular gastando R$ 6.000 por mês. Pelo melhor plano, é possível usar o aparelho por 11 horas diárias por 30 dias em ligações no Distrito Federal. Naturalmente, o volume é apenas para fins de comparação, já que não faria sentido um senador só fazer ligações locais.

Economia na prefeitura: pacientes da maternidade de São José do Seridó estão comendo bolacha, pão e café

O morador da Rua João Marinho Pereira, número 14, conhecido por Marcos do boné, anda revoltado com a administração pública de São José do Seridó. E esclarece o seguinte:

– Para economizar a Prefeitura Municipal não está oferecendo o café da manhã para os pacientes da maternidade Santa Costa (na entrada do internamento). O café só é oferecido pra quem está saindo do internamento. Serve como refeição pão, bolacha e café preto. O custo do café da manhã é de R$ 24 reais semanais para os pacientes.

– Sua esposa, Lurdete, que trabalha da referida maternidade está com o salário de produtividade atrasado desde o mês de janeiro. Três meses de atraso, portanto.

– Não vai pagar o IPTU, pois a cidade está tomada de lixo e mato. Pelo menos na sua rua, denuncia o reclamante.

– E que os novos tempos ainda não chegaram a São José do Seridó com 100 dias de administração.

O prefeito da cidade é o peemedebista Jackson Dantas.

Arra! Tá com a piúla!

Governo anunciará segunda feira (13) medidas para socorrer prefeituras municipais

O governo anunciará na próxima segunda-feira (13) as medidas para socorrer as prefeituras, que enfrentam dificuldades financeiras por causa da queda nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), segundo informou o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo.

O ministro disse que os municípios mais dependentes do fundo terão prioridade. Bernardo e os ministros Guido Mantega (Fazenda), José Múcio (Relações Institucionais) e Dilma Rousseff (Casa Civil) se reuniram no final da tarde de hoje (8) com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para discutir o assunto, mas a proposta só será fechada na próxima semana.

“O presidente não gostou do formato exato da proposta que nós trouxemos. Vamos refazer as planilhas [Paulo Bernardo e Guido Mantega] e trazer na reunião de coordenação política e, na seqüência, reunião com o conselho político [formado por parlamentares da base aliada]”, disse Bernardo, após o encontro com Lula, sem informar o que desagradou e agradou o presidente na proposta.

Sobre a criação de um piso de repasse para os municípios e também de um fundo para bancar a ajuda, Paulo Bernardo não confirmou a primeira alternativa e afirmou não ser necessária a instituição de um fundo para o socorro aos prefeitos. De acordo com o ministro, o dinheiro sairá do Tesouro Nacional, pois “não tem de outro lugar para tirar”.

“Não precisamos fazer um fundo, porque, na verdade, a parcela que tiver que passar para os municípios será objeto de projeto de lei orçamentária e, provavelmente, uma medida provisória para autorizar. Vai ser muito menos burocrático”, afirmou o ministro.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) afirma que, em março, o repasse do FPM caiu cerca de 15% em comparação ao mesmo período de 2008. A queda nas transferências é resultado da redução na arrecadação do Imposto de Renda e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), que formam o FPM. Para conter os efeitos da crise, o governo diminuiu as alíquotas do IPI para carros novos e material de construção e criou novas alíquotas do IR.

Cerca de 700 prefeitos estiveram na semana passada na capital federal para pressionar pela liberação imediata de recursos por meio de uma medida provisória.

Fonte: ABr

Posts Recentes

Posts Recentes

Categorias

Teve até ‘chifre’ na Lava-Jato. Vôte!

As gravações do ex-senador Sérgio Machado, que implicaram próceres do PMDB, inclui confissões sobre questões pessoais e familiares e, até, aventuras extraconjugais, desprezadas na investigação.

Leia Mais