VNZ: Concessionária que revende a marca Jeep em Natal (RN) é alvo de muitas reclamações

Proprietários de automóveis Jeep e Fiat equipados com motor flex e câmbio automático têm relatado o  problema: após algum tempo de uso, a transmissão deixa de funcionar e precisa ser substituída ou reparada, por meio de serviço que chega a custar mais da metade do valor do próprio carro.

Clientes com os quais a UOL Carros conversou dizem que a Stellantis, dona de Jeep e Fiat, nega-se a efetuar o reparo gratuito em veículos cuja garantia já expirou – ainda que, segundo eles, o defeito seja decorrente de uma falha no projeto e todas as revisões previstas tenham sido feitas em concessionária.

CONCESSIONÁRIA JEEP EM NATAL (RN):

Na concessionária VNZ distribuidora da marca Jeep a insatisfação é grande para quem adquiri um veículo. Reclamações de pinturas com problemas e peças avariadas com o carro ZERO vindo direto da fábrica.

Muitas vezes é preciso muita insistência para fazer o reparo, mesmo o veículo ainda dentro da loja. E ainda mais: para fazer a entrega do carro novo (já pago) é uma verdadeira peregrinação. As promessas da data para retirada do veículo não são cumpridas em muitos casos. O cliente tem que aguardar a boa vontade da Concessionária que marca a data conforme as conveniências dela e não do comprador.

O desgaste pior é ter que receber um carro Zero KM que já entrou na oficina de serviços.

Um cliente contou ao blogue do Xerife que fez a troca de um carro semi-usado por um modelo Zero que veio com avaria na pintura, no aerofólio, nas borrachas de portas e outros problemas. Além do mais, na primeira vez que foi receber o Jeep, já tendo pago o emplacamento, o carro ia ser entregue sem as placas. O que é um absurdo.

Depois foi observado – no ato da entrega – que o carro continha todas as avarias acima citadas acima.

“Após uma longa conversa com gerente de vendas Marcos Veiga ele se convenceu de que o carro precisava dos reparos. Marcou a data de entrega e não cumpriu a promessa”, disse o cliente que teve que se deslocar várias vezes do interior para receber a mercadoria na Capital.

O blogue do Xerife apurou que a insatisfação também é grande na entrega de carros para fazer serviços. Marcam para entregar o automóvel com uma semana e entregam com até um mês. E o atendimento para abrir uma ordem de serviço é péssimo.

Enfim… quem adquiriu um carro da marca Jeep na VNZ em Natal (RN) não pensa em repetir a dose. O que é desgastante para a concessionária.

PS: O cliente imagina convidar o PROCON até o local e meios de comunicação para comprovar tudo o que disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

janeiro 2022
DSTQQSS
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031 
Categorias

Delegado entrega relatório do Caso F.Gomes

O delegado Márcio Delgado, responsável pela apuração da morte do jornalista F.Gomes, deverá entregar nesta quinta-feira o relatório circunstanciado acerca das diligências determinadas pelo juiz

Leia Mais