Vereador Nildson Dantas tem direitos políticos suspensos

O vereador Nildson Dantas(PR) terá os direitos políticos suspensos em uma Ação Civil Pública, julgada pelo juiz André Melo Gomes Pereira, titular da Primeira Vara Cível de Caicó.

Na mesma situação estão os ex-vereadores Edevaldo Adolfo Maia, Paulo Roberto de Oliveira e José Estevam do Rego Neto, além do ex-prefeito Nilson Dias de Araújo, o comerciante Jocemário Álvares de Araújo e a ex-secretária de ação social, Arlete Silva Andrade.

O procedimento administrativo da Procuradoria Geral de Justiça foi instaurado através da representação de Jocemário Álvares de Araújo, para apurar suposta prática de atos de improbidade administrativa, em razão da suposta compra de medicamentos nos meses de Julho, Agosto e Setembro de 2000 com verbas públicas do Município de Caicó/RN para custear despesas realizadas em benefício de candidatos a vereador naquela eleição municipal de 2000.

Segundo a denúncia, houve a compra de medicamentos entres os meses de julho e setembro de 2000, com verbas públicas do município de Caicó, para beneficiar os candidatos a vereador do sistema político de Nilson Dias, que teria burlado o processo de licitação, para firmar contrato com Jocemário Álvares. Cada candidato chegou a receber, durante a campanha municipal, uma cota mensal de R$ 500 para distribuir. Arlete Silva, na época secretária de Ação Social, teria atestado o recebimento de medicamentos fornecidos aos candidatos.

Nildson Dantas ainda pode recorer na justiça.

CLIQUE AQUI para conferir a sentença completa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2024
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829  
Categorias