TSE inicia julgamento sobre pedido do PSD para redistribuição do Fundo Partidário

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral iniciou a análise do pedido feito pelo Partido da Social Democracia (PSD) para participar não apenas do rateio dos 5% do Fundo Partidário, que são distribuídos igualitariamente entre os partidos, mas também da repartição dos 95% do Fundo que são distribuídos levando em conta os votos recebidos na última eleição para a Câmara dos Deputados.

De acordo com o pedido, o PSD tem representação na Câmara, com 52 parlamentares titulares, que obtiveram, juntos, mais de quatro milhões de votos nas eleições de 2010. O partido informou ainda que conta com dois senadores, dois governadores, seis vice-governadores, 104 deputados estaduais, 559 prefeitos e seis mil vereadores, além de ter alcançado a marca de 149.586 filiados.

O julgamento ocorre na sessão administrativa da Corte e, neste momento, o relator do caso, ministro Marcelo Ribeiro vota favorável ao pedido da nova legenda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2024
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829  
Categorias