STF reforça segurança de ministros após prisão de Daniel Silveira

stf aqui STF reforça segurança de ministros após prisão de Daniel Silveira

O Supremo Tribunal Federal (STF) informou, nesta quarta-feira (17), ter reforçado a segurança da Corte após a prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ).

O parlamentar foi preso na noite da última terça-feira (16/2), por decisão do ministro do STF Alexandre de Moraes.

“A equipe de segurança do Supremo Tribunal Federal monitora as movimentações no entorno do prédio, como de costume, e houve reforço de efetivo nesta quarta-feira (17)”, informou a assessoria da Suprema Corte, em nota.

A ação aconteceu após Silveira atacar os ministros do STF, com especial destaque a Edson Fachin, que subiu o tom contra declaração de 2018 feita pelo ex-comandante do Exército Eduardo Villas Bôas.

Em vídeo, o deputado afirma que os 11 ministros do Supremo “não servem para porra nenhuma para este país” e deveriam ser destituídos para a nomeação de “11 novos ministros”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

O disco de Fábio Dantas

O governadorável Fábio Dantas tem ‘disco’. Disse que não vai renunciar ao mandato de vice-governador porque é vice do Estado e não de Robinson Faria.

Leia Mais

A aposentadoria dos bispos

A Igreja atacou a reforma previdenciária. E o Estadão, justamente, atacou a Igreja. Leia um trecho de seu editorial: “Não só políticos e sindicalistas apoiam

Leia Mais