Rússia pretende registrar vacina nasal contra Covid-19 em 2022

O Instituto Gamaleya, na Rússia, está desenvolvendo uma alternativa à vacina Sputnik V. É uma vacina nasal.

O diretor do Centro de Pesquisa em Epidemiologia e Microbiologia do Instituto Gamaleya, Alexander Ginzburg, espera registrar a vacina em 2022 se os ensaios clínicos tiverem êxito.

“O centro está realizando trabalhos em diversas áreas de criação e aprimoramento das vacinas contra Covid-19. Uma das iniciativas é fazer a vacina nasal. No momento, estão sendo feitos ensaios pré-clínicos dessa vacina. Planejamos começar testes clínicos no final deste ano ou no início de 2022, com registro planejado para 2022 conforme os resultados dos testes”, disse o diretor.

Segundo Ginzburg, um dos principais benefícios da vacina intranasal é a quase ausência de potenciais efeitos colaterais.

Os pesquisadores russos planejam que a vacina nasal seja administrada em duas doses, mas também não descartam que ela possa ser dada em dose única.

CNN Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias

Guedes nega mais coronavoucher

Paulo Guedes negou a O Antagonista que a reunião ministerial convocada de emergência no Planalto seja para tratar de uma nova prorrogação do Coronavoucher ou a criação

Leia Mais

Os cabeleireiros de Neymar

O Estadão diz que Neymar viajou para a Copa do Mundo acompanhado de dois cabeleireiros: “Nariko, que cuida do corte, e Wagner Tenorio, responsável pela

Leia Mais