PT e PSDB escalam equipes para início de ‘guerrilha virtual’

É da avenida Indianópolis, na zona sul da capital paulista, que uma equipe monitora diariamente as menções na internet ao governador paulista, Geraldo Alckmin, e à sua administração. Do diretório estadual do PSDB, um grupo acompanha quais são as principais palavras ligadas ao tucano e se as referências a ele são “positivas, negativas ou neutras”.

Segundo a Folha de São Paulo, esse mesmo grupo diz à direção do partido – e, consequentemente, à cúpula do governo do Estado– quando é preciso reagir aos “ataques virtuais”. Na última semana, a equipe trabalhou para tentar minimizar comentários negativos à atuação da Polícia Civil na cracolândia.

Enquanto críticos de Alckmin disseminavam comentários sobre a violência dos agentes, seus defensores promoviam uma “agenda positiva”, divulgando a sanção da lei que proíbe testes de cosméticos em animais. Na região central da cidade (bairro da Bela Vista), uma equipe faz basicamente o mesmo trabalho, só que para o PT. Comandado pelo sociólogo Sérgio Amadeu e pelo jornalista Renato Rovai, o grupo usa um software para monitorar temas que interessam aos petistas e indicar como eles estão sendo tratados. “Mensalão”, “PT” e “Dilma” são as palavras-chave mais buscadas hoje.

guerrilha virtual

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias

Tudo indica

Luiz Roberto Barcelos, Magnólia Figueiredo, Garibaldi Alves, José agripino Maia e Zenaide Maia. São os nomes para o senado nas eleições deste ano? Maiores chances:

Leia Mais

O escopo da delação de Palocci

No sábado (13), o Estadão encerrou a matéria “Petistas apostam em ataque de Palocci a Lula” com o seguinte parágrafo: “Outra certeza petista é de

Leia Mais