Promotores de eventos “pagam a conta” pela campanha eleitoral

festas Promotores de eventos "pagam a conta" pela campanha eleitoral

Foi pra quem sobrou: para os Promotores de Eventos. A campanha política terminou com nítida presença de aglomerações sem seguir nenhum protocolo de segurança, ao contrário dos promotores de eventos que fizeram suas festas (nem todos é claro) obedecendo todos os protocolos.

O MP não teve coragem de peitar os políticos. Liberou geral. Não fez recomendação aos prefeitos. Muito pelo contrário. Vejam o exemplo de Natal (RN). O prefeito Álvaro Dias baixou decreto contra a campanha de rua. A governadora Fátima Bezerra derrubou. E ficou por isso mesmo.

Os promotores de eventos estão pagando a conta. É uma injustiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

Nelter quer o Banco do Brasil

Buscando melhorias estratégicas para os serviços oferecidos pelo Banco do Brasil (BB) à população caicoense, o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) emitiu requerimento à superintendência

Leia Mais