Presidente defende fim da presença obrigatória da Petrobras no pré-sal

Ao assumir a presidência da Petrobras ontem, Pedro Parente defendeu mudanças na legislação do pré-sal e o fim da obrigação legal da estatal em liderar todo o projeto do pré-sal, o que para ele, “não atende aos interesses da empresa e do País”.

“A empresa apoia a revisão da lei de exploração do pré-sal, com a substituição da obrigação de que participe com pelo menos 30% da exploração de cada campo pelo direito de preferência com a participação que julgar atender melhor aos seus objetivos”, afirmou o executivo.

Uma resposta

  1. A Sheel, Exxon Mobil e todo o cartel mundial do Petróleo agradecessem à medida neo-liberal do governo Temer.O Senador José Serra,que para aprovar esta medida,atuou como um “lobista”no Senado destas empresas e abandonou o seu papel Constitucional de preservar os interesses do Estado brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias