Portaria regulamenta distribuição de servidores nos Juizados Especiais

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte deu mais um passo em direção ao cumprimento da Portaria 22, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que define medidas de aprimoramento relacionadas ao sistema dos Juizados Especiais. Trata-se de uma distribuição igualitária do total de servidores, que está sendo discutida e já publicada em uma Portaria no âmbito estadual, a de número 1.025/2013.

“Nossa ideia é uniformizar as Varas espalhadas pelo Estado e, assim, atingir a mesma eficiência do serviço e a mesma produtividade”, destacou a coordenadora dos Juizados Especiais do Rio Grande do Norte, a juíza Sulamita Pacheco. O dispositivo foi publicado a partir do trabalho de análise de dados estatísticos processuais do Sistema dos Juizados Especiais realizados pela Secretaria de Planejamento e Gestão Estratégica (SPGE) do TJRN.

A secretaria avaliou a distribuição dos servidores e a quantidade dos processos em cada unidade, bem como a necessidade de adequar o acervo processual de cada Vara com o número de servidores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

No ‘sentido da palavra’

Políticos no sentido da palavra  que fizeram história em Caicó: – Dinarte Mariz, José Augusto, Juvenal Lamartine, Walfredo Gurgel, Manoel Torres e José Josias Fernandes.

Leia Mais

Vivaldo Costa ainda é dúvida

Outro ‘muído’ que amanheceu hoje nos meios políticos. O de que o deputado estadual Vivaldo Costa ainda não decidiu “definitivamente” se troca de partido e

Leia Mais