Por PT, prefeitos ficam sem emendas

A presidenta Dilma Rousseff barrou a liberação de emendas de deputados e senadores para prefeituras, inclusive as de aliados. Não apenas pela meta de corte. Segue um projeto político do PT para as eleições de 2012. Dilma não quer farra com obras eleitoreiras, como é tradição neste período. O PT comanda 558 prefeituras e quer conquistar 1.150. Considerados rivais, o PMDB tem 1.207, e o PSDB, 788.

Do Cláudio Humberto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

Categorias