PMDB camaleão: Dilma quer separar “joio do trigo”

Depois de esgotar todas as tentativas de adiar o rompimento do PMDB, decisão que deve se confirmar nesta terça-feira, o Planalto prepara uma ofensiva para separar o “joio do trigo” no partido e ter certeza de quem são os que estão ao seu lado. Confiante de que ainda pode contar com parte da legenda na batalha contra o impeachment de Dilma Rousseff, o governo quer personalizar as críticas nos nomes que já são considerados “perdidos”, mas evitar ataques ao partido de maneira geral. A informação é de Natuza Nery, na sua coluna da Folha de S.Paulo desta terça-feira.

Mesmo após a cisão, — diz a colunista, — Renan Calheiros deve se manter no figurino de presidente do Senado — sem vestir o de dirigente peemedebista. “Petistas lamentam uma ironia: muitos ajudaram Eliseu Padilha a desenhar o mapa de cargos do governo quando ele assumiu a articulação política. Agora, o trabalho é munição contra a própria presidente. Padilha diz que, ao romper, o PMDB recupera seu protagonismo. “O partido acerta ao seguir suas bases como fazia ao tempo do MDB.”

charge-dilma-deixa-de-ser-presidente-ao-ceder-demais-ao-pmdb61

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias

Quando tocar o terror é sucesso

Ainda do Secretário de Saúde do Rio Grande do Norte, Cipriano “Abilolado” Maia durante webconferência com a Comissão de Enfrentamento ao Coronavírus da Assembleia Legislativa

Leia Mais

Sem Paracetamol e Amoxicilina!

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu a comercialização de um dos lotes de Paracetamol e do antibiótico Amoxil BD (amoxicilina tri-hidratada). Os medicamentos

Leia Mais

Santorres/SA ainda não foi vendida

A venda da Santorres/SA que revende os caminhões da marca Mercedes Benz ao grupo Paulino de Caicó ainda não foi totalmente concretizada. Entraves burocráticos. Compreende

Leia Mais