Para cientistas, riscos associados ao Zika são maiores do que se pensava

160122132144_mosquito_zika_640x360_afp_nocreditTransmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o Zika vírus pode ser mais perigoso do que o pensado anteriormente, afirmam cientistas brasileiros. Segundo especialistas ouvidos pela BBC, o vírus pode estar por trás de ainda mais danos às funções neurológicas e afetar os bebês de até um quinto das mulheres infectadas.

Apesar de as taxas de avanço do contágio terem diminuído em algumas partes do país, graças a mais informações sobre prevenção, a busca por uma vacina está ainda no estágio inicial. Além disso, o Zika continua a se espalhar pelo continente.

A maioria dos médicos e pesquisadores (bem como o Ministério da Saúde brasileiro e a agência de prevenção a doenças dos EUA) concorda que há uma ligação entre o vírus e a microcefalia, condição que prejudica o desenvolvimento do cérebro e faz com que bebês nasçam com a cabeça menor que o normal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

maio 2021
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
Categorias

Sinal amarelo para o Detran RN

Os servidores do DETRAN-RN vão paralisar as atividades por 24 horas, nesta quinta-feira, 3. Parada de advertência em protesto contra o travamento nas negociações da

Leia Mais

Não tem nada de maldade…

… A informação de que o ex-ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves não esteja participando abertamente e nem por ‘debaixo dos panos‘ da campanha do

Leia Mais

O pesadelo de Álvaro Dias

O deputado estadual Hermano Morais sonha em ser indicado candidato a vice-prefeito de Natal (RN) nas eleições municiais de 2020 na chapa encabeçada pelo prefeito

Leia Mais

Lei Rouanet: Botou no rabo!

O novo modelo adotado pelo governo de Jair Bolsonaro em relação a aplicação de recursos  da Lei Rouanet “botou no rabo” dos artistas petistas e

Leia Mais