Padre da Pastoral Rodoviária celebrou missa em Caicó neste domingo (25)

padre arno 1
Padre Arno celebrou a missa no posto de combustíveis Adauto Dias

O padre Arno Longo integrante da Pastoral Rodoviária, sediada em Curitiba, Paraná, ao lado de Germano Nalepa e Miguel Staron no papel de padres caminhoneiros. Os três missionários lazaristas, da congregação fundada por São Vicente de Paulo, rodam o país com capelas sobre rodas. Por ano, visitam sete mil postos de combustível e celebram 1.600 missas, entre tanques de gasolina e de óleo diesel.

Antes de chegar a Caicó, padre Arno seguiu uma rota partindo do Paraná e passou por São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e os estados nordestinos até chegar a Belém do Pará. “O nosso principal objetivo é atender os trabalhadores da estrada, que seriam os caminhoneiros, borracheiros, das oficinas e dos frentistas, para transmitir segurança e as precauções diante dos percalços da estrada”, disse o integrante da Pastoral Rodoviária.

padre arno 2
“O nosso objetivo é atender os trabalhadores da estrada”, disse o sacerdote

Depois do Norte, padre Arno voltará na rota pelo Centro-Oeste até retornar para a sede da Pastoral em Curitiba, onde terá um período de descanso de quinze dias. Em seguidas, retoma o trabalho com destino ao Mato Grosso e Rondônia. Sobre os perigos da estrada, o sacerdote explica que “evita rodar à noite e que a sua carga é Jesus. Portanto, não interessa aos mal intencionados”.

Pastoral Rodoviária

Fundada em 1976 pelo padre Marian Litewka, polaco radicado em Curitiba que foi coroinha do Papa João Paulo II. Devido a problemas de saúde, Marian aposentou o caminhão em 2003. Desde então, trabalha na sede da entidade enquanto os três missionários vivem nove meses do ano com o pé na estrada, percorrendo até 400 quilômetros por dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

Empresa Paulista no BACURAU

Mesmo no RN tendo inúmeras empresas capacitadas para realizar eventos, o governo do Estado procurou uma empresa de São Paulo para torrar R$ 93 mil para

Leia Mais

Deselegante

Enrolado em uma reunião, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), deixou Rodrigo Janot esperando em seu gabinete. O PGR foi até lá entregar sua

Leia Mais