Obra da ponte na RN-002 será realizada em 60 dias

Dentro de dois meses, a população do Agreste voltará a utilizar a ponte sobre o Rio Traíras, na rodovia RN-002, que liga o município de Monte Alegre a Lagoa de Pedra, Lagoa Salgada e outras cidades da região. A ordem de serviço para recuperação das fundações da ponte, que custará R$ 400 mil oriundos de recursos próprios do Governo do RN, foi assinada hoje (08) pelo diretor geral do DER, Manoel Marques, a diretora de obras, Natécia Nunes e o engenheiro Flávio Pereira, da empresa Engecal, em solenidade realizada na Câmara Municipal de Monte Alegre.

Participaram do evento o deputado Kleber Fernandes, o prefeito de Monte Alegre, Severino Rodrigues da Silva, o prefeito de Lagoa Salgada, Raniere Amâncio, o presidente da Câmara, Heriberto de Carvalho Chagas, e os demais vereadores que compõem a casa, além de moradores das cidades beneficiadas.

O diretor do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RN) explicou ao público presente que a demora em atender a esse pleito se deu pela perda do caráter de urgência da obra, uma vez que a ponte está interditada desde novembro de 2018 e o processo, então aberto, ficou inconcluso.

Desde então, o tráfego está sendo feito via terrestre, numa estrada vicinal, e mais de 50 mil pessoas que moram no entorno estão sofrendo com a insegurança e o desconforto causado pela interdição. Somente com a reabertura do orçamento, este ano, o órgão deu andamento ao processo até conseguir a liberação dos recursos.

“A governadora é uma pessoa extremamente sensível, especialmente para essas questões que demandam urgência e emergência. Tivemos todo um trabalho para retomar o processo e dar o caráter de urgência”, justificou. Ele deu o exemplo da obra de recuperação da cabeceira da ponte sobre a RN-041, que liga a BR-304 ao município de Santana do Matos, que na mesma semana em que a enchente destruiu a estrutura, a rodovia foi liberada.

O prefeito Severino Rodrigues agradeceu a todos os vereadores e ao deputado Kleber, que reivindicaram a obra, e destacou a sensibilidade da governadora e o empenho do diretor do DER para que a ponte seja liberada o mais rápido possível. “Sabemos da urgência devido às chuvas, que poderiam aumentar o problema. E entendemos a necessidade desse pequeno atraso”, afirmou.

O presidente da Câmara, Heriberto Chagas, foi além do reconhecimento da importância da obra e solicitou a recuperação do trecho situado na entrada da cidade, que não foi executado no ano passado. Raniere Amâncio, prefeito de Lagoa de Pedra, citou que a zona rural do município está sendo prejudicada com a interdição da ponte.

Encerrando o ato simbólico de assinatura da ordem de serviço, o deputado  Kleber Fernandes informou que uma semana após tomar posse na Assembleia Legislativa já estava no DER solicitando a realização dessa obra. ”É importante observarmos a celeridade deste governo em atender a esse importante pleito e aproveito para pedir que o DER realize uma operação tapa buracos para todo o Agreste”, disse o deputado, considerado porta-voz daquela região.

2 respostas

  1. Xerife só a título de colaboração na próxima matéria que o senhor for postar sobre o DER o nome correto da Diretora de Obras e Operações/DOO é Natécia Shirley Nunes não Natércia, fica o registro. Obg.

  2. Raniere Amâncio é prefeito de Lagoa de pedras e não de Lagoa Salgada.
    O prefeito de Lagoa Salgada se chama osivan queiroz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

agosto 2022
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

É de amargar!

Verdade seja dita: A antiga bancada do Rio Grande do Norte, formada por Garibaldi Filho (MDB) e José Agripino (DEM) tinha muito serviço prestado a

Leia Mais