Lula diz que tratará ministros como uma “mãe”, mas quem errar sairá do governo

Durante a primeira reunião ministerial da Presidência da República junto aos 37 ministros, que ocorre no Palácio do Planalto na manhã desta sexta-feira (6), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que vai tratar os ministros como “uma mãe”, mas que em “errar” vai sair do governo e que quem “errar feio” será investigado.

A declaração de Lula ocorre no contexto dos escândalos que envolvem a nova ministra do Turismo. Daniela do Waguinho é suspeita de ter conexões com milicianos no Rio de Janeiro e de ter recebido apoio para se eleger deputada federal. O petista não fez menção direta ao nome da ministra.

“Estejam certos que estarei apoiando cada um de vocês nos momentos bons e nos momentos ruins. Não deixarei vocês no meio da estrada, vocês foram chamados porque têm competência, vocês foram chamados porque foram indicados pelas organizações políticas a que pertencem e eu respeito muito isso. E, por isso, estejam certos que vocês terão em mim: se possível, um irmão mais velho, se possível um pai. Tratarei vocês como uma mãe trata os filhos: com muito respeito e muita educação”.

O Tempo

2 Responses

  1. Nada pode dar certo ,começando errado, onde impera a corrupção, não existe democracia e lugar de ladrão é na cadeia!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2024
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  
Categorias