Justiça mantém decisão de levar acusados da morte da juíza Patrícia Acioli a júri popular

juiza Justiça mantém decisão de levar acusados da morte da juíza Patrícia Acioli a júri popularPor unanimidade, a 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio manteve hoje (8) a decisão de levar os onze acusados de envolvimento na morte da juíza Patrícia Acioli a júri popular.

Com base no voto do desembargador Valmir de Oliveira Silva, o colegiado negou provimento ao recurso dos réus contra sentença de pronúncia proferida em dezembro pelo juiz Peterson Barroso Simão, da 3ª Vara Criminal de Niterói, na região metropolitana.

O julgamento, porém, só ocorrerá após o trânsito em julgado da decisão – quando não couberem mais recursos. A defesa dos réus ainda pode recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília. A juíza Patrícia Acioli foi morta a tiros, em 11 de agosto do ano passado, quando chegava na casa onde morava, no bairro de Piratininga, na região oceânica de Niterói.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

O “pé” de João Maia

Uma torção em um dos pés deixou o deputado federal João Maia (PL) de fora da recepção ao presidente Jair Bolsonaro ontem (21) em Mossoró

Leia Mais

O extremismo do Brasil

A imprensa nacional prevê instabilidade no campo político do Brasil, com a divisão do eleitorado entre extremistas de esquerda e direita. Para os analistas estrangeiros,

Leia Mais