Justiça manda reduzir salário de senador paraibano já no RN, Agripino continua recebendo vencimentos de governador

O senador Cícero de Lucena Filho (PSDB-PB), 53, teve o salário reduzido em cerca de R$ 18 mil por decisão da Justiça. O tucano recebia cerca de R$ 45 mil por mês, acumulando o salário de R$ 26.723 do Senado e uma pensão de R$ 18.371 concedida aos ex-governadores da Paraíba. Agora, de acordo com a decisão da Justiça Federal na Paraíba, o senador só receberá do Senado a diferença entre sua aposentadoria e o teto constitucional, que estabelece um pagamento máximo de R$ 26.723,13. Assim, o Senado passará a pagar por mês, ao tucano, R$ 8.351,69.

A decisão atendeu a um pedido de liminar do Ministério Público Federal, que abriu uma ação contra Lucena e outros três ex-governadores por acúmulo de aposentadorias com o salário de congressista. A assessoria do senador afirmou que os advogados do senador estão esperando a ação ser julgada para analisar se ele vai recorrer. No Rio Grande do Norte o senador José Agripino continua a receber normalmente vencimentos referentes a aposentadoria de ex-governador. Aqui, o Ministério Público ainda não se pronunciou sobre a aposentadoria de Agripino, como tem ocorrido em outros Estados.

Uma resposta

  1. Se o senhador do RN fosso justo o quanto quer ser ele doaria o salário milionário a Liga Norteriograndense contra o cancer por exemplo. mais ele é apenas mais um esperto na política do RN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

agosto 2021
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  
Categorias