INSS prova que Kerinho não deixou cargo público para se candidatar e situação de Beto Rosado mais complicada

No processo que tramita no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN) sobre a notícia de inelegibilidade do então candidato a deputado federal em 2018, Kericles Alves, o Kerinho, por não ter se desincompatibilizado de cargo público, o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) informou por meio de documentação que o vínculo permaneceu ativo de janeiro de 2017 a dezembro de 2018, sem qualquer interrupção, o que viola a legislação para quem se candidata nas eleições.

Veja a reportagem completa no site Justiça Potiguar.

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

maio 2021
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  
Categorias

Quando será?

Como não faz mal perguntar… Quando será mesmo que o prefeito Robson Araújo vai pagar o salário referente ao mês de dezembro aos funcionalismo municipal?

Leia Mais