Inscrita no Bolsa Família aparece como doadora

doadora dilma

Moradora de Campo Verde (MT), a cozinheira Sebastiana da Rocha, 33, trabalhou no segundo turno das eleições de 2010 como cabo eleitoral da campanha de Dilma. Diz ter recebido R$ 600 pela distribuição de panfletos, mas não sabia que, na ocasião, havia se tornado uma doadora da campanha.

Em julho passado, ela foi surpreendida com um telefonema do Ministério do Desenvolvimento Social, responsável pelo programa Bolsa Família, do qual é beneficiária. A pasta recebera denúncia segundo a qual Sebastiana havia doado R$ 510 à campanha de Dilma e queria questioná-la a respeito disso. No dia seguinte ao telefonema, uma assistente social foi à sua casa e confirmou que ela se enquadrava nos limites de renda do programa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias

Apagão deixa o Ceará às escuras

Um apagão atingiu o Ceará na madrugada desta sexta-feira (26). Segundo a Companhia de Energia Elétrica do Ceará (Coelce), empresa distribuidora de energia no estado,

Leia Mais

Em busca do candidato perdido

Teremos mesmo Lula contra Bolsonaro no segundo turno do pleito de 2018? Improvável. Em condições normais, pesquisas eleitorais feitas com muita antecedência indicam mais o

Leia Mais

O laranjal de Lula em Ipojuca

O ex-presidente Lula está em campanha, ao menos em Ipojuca (PE), revela Daniela Lima na coluna Painel da Folha desta quinta-feira: “Com a impugnação de

Leia Mais