Henrique Alves vai pagar R$ 9,7 mil para cobrir viagem de parentes para assistir jogo

henrique bolaO presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), vai depositar R$ 9,7 mil nos cofres da União para cobrir as despesas de viagem de seis acompanhantes que foram com ele de Natal para o Rio de Janeiro em avião da Força Área Brasileira (FAB), informou a assessoria do deputado.

O valor devolvido pelo deputado do PMDB foi calculado pela assessoria da presidência da Câmara com base nos preços médios das passagens entre o Rio Grande do Norte e o Rio de Janeiro. Segundo os assessores de Alves, um assistente da presidência foi enviado a uma agência bancária da capital federal na tarde desta quarta para efetuar o pagamento por meio de uma Guia de Recolhimento da União (GRU).

No último final de semana, Alves deu uma carona a sua noiva e a parentes na aeronave disponibilizada à presidência da Câmara, em voo entre Natal (RN) e o Rio de Janeiro. A informação foi divulgada nesta quarta pelo jornal “Folha de S. Paulo”.

Nesta manhã, o deputado do Rio Grande do Norte admitiu que transportou familiares no avião da FAB. Ele classificou o episódio de “erro” e disse que iria ressarcir os valores correspondentes às passagens do grupo.

“O meu erro, e isso eu reconheço, foi ter permitido que pessoas me acompanhassem, pegando carona no meu voo para o Rio de Janeiro. E por esse erro, estou reconhecendo aqui, já mandei ressarcir o valor de cada passagem correspondente”, afirmou Alves nesta quarta, ao chegar à Câmara.

G1

8 respostas

  1. Tem que pagar o valor do aluguel do jato! Não se difere da regra, este e o típico político brasileiro, basta chegar ao poder para abusar dele. Fora!!!!!!!!!!!

  2. Uma vergonha. Viagem para ver jogo de futebol.
    Deve pagar o frete do avião.
    Pagar somente as passagens dos caronistas, É PIADA.
    POLITICO brasileiro não tem jeito, sempre se locupleta com suas atitudes contra o povo.

  3. agora um necessitado precise de uma passagem para um tratamento de saúde em outro estado prá ver as dificuldades que botam! magote de bandidos!

  4. Xerife,

    Mas isso não é de admirar. Tem mais coisas.

    Quando a Presidenta Dilma exonerou o senhor Elias Fernandes do DNOCS, o deputado Henrique Eduardo correu pra Brasilia, juntou até o baixo clero, para pressionar a Presidenta, para manter o Sr. Elias Fernandes no DNOCS.

    Andou também pelos gabinetes do Ministérios, com um um empresário a tiracolo, para aprovar um projeto de 5 (cinco) bilhões de reais.

    Disse depois, quando a notícia vagou na imprensa, que se tratava de um amigo.

  5. Deputado Henrique Eduardo acredite, Deus existe. A vida não é somente poder, que é passageiro, e dinheiro, que ninguém leva na caixão.

    A omissão de quem pode e não auxilia o povo, é comparável a um crime que se pratica contra a comunidade inteira.
    Tenho visto muitos espíritos dos que foram homens públicos na Terra em lastimável situação na Vida Espiritual´(Chico Xavier).

  6. A solução não é apenas devolver o dinheiro, é sim, colocar na rua, caçar o mandato por improbidade e abuso de poder. Incluindo na leva, o Renan Calheiro que também que fez o mesmo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

outubro 2021
DSTQQSS
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31 
Categorias