Hemonorte promove encontro com pacientes falcêmicos

O Departamento de Hematologia do Hemonorte em parceria com a Associação dos Pacientes Falsêmicos do RN realizaram nesta sexta-feira (28), no auditório da Unidade, um encontro com os pacientes portadores de anemia falciforme, com o objetivo de  orientar a família e o paciente a descobrir rapidamente os sinais de gravidade da doença, tratar adequadamente as crises e praticar medidas de prevenção.

A anemia falciforme é  uma doença genética, incurável que tem como característica principal a alteração dos glóbulos vermelhos do sangue. No RN, mais de 250 portadores da doença  são tratados no Hemonorte, Centro de referência em hematologia e hemoterapia no Estado. A anemia  falciforme  pode ser diagnosticada precocemente através dos teste do  pezinho, que é realizado no recém-nascido.

De acordo com o Chefe da Hematologia do Hemonorte, Frank Bahia,”quanto mais conhecimento o paciente  tiver  sobre a doença, mais fácil fica lidar  com ela e com as intercorrências  que acontecem. A descoberta de novas medicações e tratamento  tem proporcionado ao falcêmico uma melhor qualidade de vida”.

Entre os principais sintomas estão a anemia crônica (causada pela rápida destruição dos glóbulos vermelhos), Icterícia (cor amarelada na pele e mais visivelmente no “branco dos olhos), Síndrome mão-pé (inchaço muito doloroso na região dos punhos e tornozelos e  crises dolorosas, principalmente em ossos, músculos e articulações).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

julho 2022
DSTQQSS
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31 
Categorias

Cadê o Alecrim, Álvaro Dias?

A Prefeitura e empresários apresentaram um projeto revolucionário para mudar o Bairro do Alecrim, em Natal. De repente, desandou? Ninguém vê obra e mais anúncio

Leia Mais