Governo da PB não pode fazer novas contratações antes de nomear concursados da Polícia Civil

O juiz Antônio Carneiro de Paiva Júnior negou, nesta sexta-feira (13), uma petição do governo da Paraíba que solicitava que ele reconsiderasse a decisão que proíbe o Estado de contratar pessoal antes de nomear os concursados da Polícia Civil. A exceção é apenas para o setor da Saúde, após comprovada extrema necessidade. A primeira decisão do juiz foi tomada no dia 6 de fevereiro. De acordo com o documento original, qualquer registro de matrícula ou ordem de pagamento de pessoal emitido será considerado nulo “não gerando efeito financeiro”.

O magistrado decidiu, também, convocar uma nova audiência pública para avaliar o que foi e o que não foi cumprido em relação ao acordo firmado entre as partes envolvidas nessa questão. O novo encontro foi agendado para a próxima sexta-feira (20) a partir das 9h, no Fórum Cível da Capital. O concurso para a Polícia Civil a que a decisão se refere foi realizado em 2008.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

agosto 2021
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  
Categorias

Fátima aperta os cintos

A governadora Fátima Bezerra (PT) aperta os cintos para segurar a folha salarial dos servidores “em dia”. Conta com a venda dos royalties pra pagar

Leia Mais

Pé na bunda!

Dois ex-prefeitos do Seridó vão ter que se ESPERNEAR para conquista as cadeiras de volta nas eleições de 2020: Jackson Dantas, em São José do

Leia Mais