Governo abre cadastro para servidores aderirem ao Banco de Talentos

O Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Escola de Governo Cardeal Dom Eugênio de Araújo Sales (EGRN) da Secretaria de Estado da Administração (Sead), abriu cadastro em Banco de Talentos para servidores públicos que tenham interesse em atuar como instrutores e/ou membros de comissão. Podem se cadastrar servidores estaduais efetivos ou detentores de cargos comissionados, além de servidores aposentados. Como requisito essencial para integrar o Banco de Talentos, o servidor deve possuir formação acadêmica mínima em nível de graduação.

O edital de chamamento foi publicado na edição desta terça-feira (27) do Diário Oficial do Estado. O cadastro estará aberto até 27 de setembro de 2019. É importante ressaltar que os servidores que já se cadastraram no Banco de Talentos por meio de editais anteriores precisam realizar um novo cadastro no sistema de inscrições, conforme o Edital de Chamamento Nº02/2019. Em suma, os cadastros realizados em editais anteriores serão invalidados, sendo consideradas apenas as novas inscrições.

O endereço para acessar o cadastro é www.bancodetalentos.rn.gov.br. Nesse sistema de inscrição, o servidor deverá fornecer os dados pessoais, acadêmicos e profissionais, assim como anexar (em formato PDF) documentos comprobatórios de suas titulações e experiências.

Aliado estrategicamente aos objetivos da Escola de Governo, visando o melhor gerenciamento e desenvolvimento de pessoal, o Banco de Talentos tem como finalidade formar um grupo de servidores públicos que tenham expertise em áreas diversas para auxiliar no processo de capacitação de outros servidores. Essas capacitações podem ser por meio de serviços de cooperação técnica (oficinas de serviço) e cursos de curta duração, além de palestras, oficinas e workshops, nas mais diversas áreas da Gestão Pública.

Aqueles que forem convidados a ministrar cursos ou participar de comissões serão gratificados. Dessa forma, o Governo do RN não apenas estará valorizando os integrantes do seu quadro de pessoal, mas também reduzindo custos com a contratação de especialistas que, ocasionalmente, devido a não conhecerem com profundidade a realidade do Estado, transmitem conhecimentos teóricos sem relacioná-los com a prática.

O Banco de Talentos atende às necessidades da Lei Complementar Estadual nº 451, de 27/12/2010 (que institui a gratificação de incentivo à atividade de instrutor), regulamentada pelo Decreto Estadual nº 25.193/2015 e pela Portaria/Searh nº 003/2016.

Mais informações junto à EGRN, por meio do telefone 3232-1699.

CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O CADASTRO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2024
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829  
Categorias