Geraldo Melo sepultou sua vida pública. Em Caicó o bacurau nunca o perdoou

O ex-governador e senador Geraldo Melo anunciou que não será candidato a nenhum cargo eletivo nas eleições estaduais deste ano. A decisão foi anunciada nesta quinta feira à noite na sua própria residência tendo como testemunha o deputado estadual Weber Júnior.

Geraldo Melo sabendo que não tem condições de disputar mais nenhum mandato tomou a decisão acertada.

Ainda teve o nome cogitado para ser suplente de senador de Wilma de Faria para o senado. Se Wilma perdesse a eleição seria humilhante para quem ainda hoje posa com banca de senador.

Sua carreira política foi sepultada. Amém!

Em Caicó, ninguém esquece ainda de quando ele foi governador. Logo que assumiu o cargo se uniu a Vivaldo Costa, maior adversário político durante sua campanha de Manoel Torres. Entregou todos os cargos de confiança ao Papa-Jerimum. O bacurau caicoense nunca o perdoou.

6 respostas

  1. E XERIFE,
    QUEM FAZ AQUI PAGA AQUI!
    SO QUE TEM MUITOS POLITICOS AINDA DEVENDO CONTA QUE IRAO PAGAR AGORA NESSA CAMPANHA DE 2010.
    DEPOIS DAS ELEIÇOE EU DIGO QUEM FORAM ELES.

  2. Geraldo creio que ainda tem chance de se eleger deputado estadual. Lavo conseguiu porque ele não

  3. Geraldo se uniu com o PAPAFIGO (vivaldo) em Caicó e deu no q deu!Agora está unido com o PAPAFIGO(vivaldo)a senadora rosalba,com certeza está também sepultando sua credibilidade politica!!!!

  4. Quem planta colhe, diz o ditado. Então vejamos o que o cidadão Geraldo Melo fez quando foi governador do RN em nossa região. Ajudou a eleger o então deputado Vivaldo Costa (sereia pra epoca) presidente da Assembleia Legislativa, onde o candidato de seu partido PMDB o deputado Paulo de Tarso, tinha a maioria para se eleger ficou tão desapontado com as trairagens que resolveu abandonar a vida publica em seguida, não saiu mais candidato. Logo em seguida resolveu ou melhor pensou que ficaria limpo com os bacuraus do seridó e convidou o Sr. Manoel Torres para seu suplente, onde ao longo dos 8 anos de senado nunca se licenciou ou tiirou férias para que seu Mané assumisse, e vejam que ele foi na epoca em que o presidente era FHC, do mesmo partido, onde Geraldo foi lider no congresso. Em Caicó atendeu a todos os pedidos do Dr. Vivaldo, nomeando todos os cargos de confiança, gerando na epoca uma insatisfação em seu Mané que era prefeito de Caicó, ao ponto de seu Mané ameaçar ir ao encontro do Dr. Aluizio Alves no Rio de Janeiro para tratar do rompimento politico na epoca com Geraldo Melo. Isto sem falar no apelido que o Papa usava, devido ao mesmo ser dono de uma usina de açucar, que hoje não lhe pertençe mais. Pois vejam as decisões judiciais que estão sempre rolando nos blogs, em especial no de Taise Galvão. Já vai tarde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

agosto 2021
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  
Categorias

Quem diria, né Márcia?

Após perder a reeleição, a deputada estadual Márcia Maia (PSDB) está tentando permanecer na política. Agora, ela busca a senadora Fátima Bezerra (PT) para ser

Leia Mais

No rastro de Dilma

A Lava Jato está no rastro de Dilma Rousseff. A Folha de São Paulo percebeu isso: “Mesmo sem ter sido alvo de buscas ou de

Leia Mais

Brasília está quase parada

O Brasil vive um período de ressaca. A incerteza que assola a economia do país entre a aprovação do impeachment da presidente Dilma Rousseff, pela

Leia Mais