Fábrica da Sputnik no Brasil quer importar 10 milhões de doses até março

erica fernandes ceschini 2 930x524 1 Fábrica da Sputnik no Brasil quer importar 10 milhões de doses até março

A expectativa do presidente da União Química, Fernando de Castro Marques, é que 10 milhões de doses da Sputnik V sejam importadas para o Brasil entre fevereiro e março. Segundo ele, em abril, o laboratório já estará apto para produzir oito milhões de doses por mês. O imunizante russo ainda não tem autorização para uso no Brasil pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A União Química é a única empresa na América Latina que também produz o IFA, o insumo farmacêutico ativo. Ou seja, quando a vacina for liberada pela agência reguladora, o laboratório não dependerá da importação de nenhum componente de outro país, como acontece agora com a Fiocruz e com o Instituto Butantan, que precisam comprar o insumo de suas vacinas da China e sofreram com dificuldades para liberaçã dessa matéria-prima pelo país asiático.

Os responsáveis pela Sputnik V, no entanto, ainda não conseguiram entregar todas as documentações para a Anvisa. Marques contou que há reuniões diárias com a agência para orientações e, no momento, ele diz aguardar a liberação para iniciar o estudo de fase 3 de ensaios clínicos no Brasil, processo obrigatório para eventual autorização de uso emergencial do imunizante pela Anvisa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

fevereiro 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  
Categorias

Vai ter Copa

O Ministério do Planejamento publicou no Diário Oficial de hoje portaria que flexibiliza o horário de expediente no funcionalismo público nos dias de jogos do

Leia Mais

Prefeito afastado no Seridó?

Se os vereadores entenderem que há indícios de improbidade administrativa poderá ser aberto um processo de afastamento de um prefeito do Seridó. Quem será? É

Leia Mais