Era a notícia que eu não queria dar…

celebrando com ele Era a notícia que eu não queria dar...

… O falecimento de Padre Tércio. Meu professor. Meu diretor, meu conselheiro… aquele que me adotou como a um filho. Tantas travessias juntos. Foi meu líder espiritual, seus ensinamentos foram fundamentais para mim. Parte da minha vida devo a ele. E com ele foi parte dela. A sua existência foi importante demais na minha vida. Que Deus o tenha na glória. E já tem. Eu sei.

Quando ele me adotou no CDS logo me tornei líder de classe e, em seguida, reativamos o Grêmio do Colégio Diocesano Seridoense Florizel Medeiros que ele tanto queria.

Numa das comemorações do seu aniversário, 12 de outubro, dia da criança e de Nossa Senhora Aparecida, o CDS fez uma festa para homenageá-lo. Então… eu fui o escolhido para prestar a tal homenagem.

Muito jovem ainda e encabulado, fiquei todo enrolado. Não podia negar. E o que dizer? Pensei… fui prum canto de parede e JESUS me iluminou.

Quando me chamaram para falar representando as classes disse uma frase que, de tanto repetir para não esquecer, ainda guardo na lembrança passados todos esses anos:

Disse apenas:

“Padre Tércio!

Se pudéssemos juntar todas as palavras lindas do mundo, ainda seria muito pouco para dizer o que o senhor representa para todos nós”.

Dito isso… chorei. Fui consolado pelos amigos e abraçado por ele.

Ainda é o que penso. Esteja com Jesus. Até o nosso próximo encontro.

Essa foto foi na comemoração dos seus 60 anos de sacerdócio. Tanta felicidade!

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

janeiro 2021
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
Categorias

A Caern tá quebrada

A Comissão de Transição identificou que a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) tem um débito de R$ 300 milhões.

Leia Mais