É de lascá: Vem aí o bolsa crack! R$ 1.350 reais. Maior do que o salário do professor

20130224061952_cv_CRACKpedro_abramovay1_gdeO governador de São PauloGeraldo Alckmin (PSDB), está prestes a concluir um novo pacote de medidas para combater a violência e o avanço das drogas no Estado. Entre as principais medidas estará a transferência direta de dinheiro para famílias de dependentes de crack e o incremento de 6.500 policiais no patrulhamento das ruas. O programa será batizado de Cartão Recomeço e a transferência de renda deverá ser feita por meio de um cartão similar aos utilizados no sistema bancário.

A ação de combate às drogas será semelhante à adotada pelo governo tucano de Minas Gerais, o Cartão Aliança pela Vida. Iniciativas como essa ganharam o apelido de “bolsa crack” ou “cartão crack”. O cartão tornará disponível a quantia de R$ 1.350 mensais para as famílias dos dependentes (em Minas o valor é de R$ 900). No total, até 10 mil famílias poderão ser beneficiadas em São Paulo.

O blogue comenta: Discordo! Vai aumentar o número de consumidores. O bolsa Crack é o incentivo ao consumo. Cadeia para os traficantes e penas severas podem resolver o problema. Isso sim! No Brasil quem é cheirador de Ckack agora recebe dinheiro. Quem comete crime e vai pra cadeia ganha uma bolsa. Já os professores, policiais e tantas outras categorias recebem uma miséria. No Brasil o crime compensa! Vai pra merda!!!

3 respostas

  1. Ih!! agora lascou xerife, quer dizer que se o sujeito for preso por assassinato enquanto estava sob o efeito de crack, pode receber até duas bolsas que juntas somam mais de duas mil pilas? sei não viu, só no brasil mesmo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

dezembro 2022
DSTQQSS
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Categorias