Com a chegada do PSD, PMDB perderá a condição de maior bancada isolada da AL e PMN deixará de ter assento no Colégio de Líderes

O PMDB vai perder a condição de maior bancada isolada da Assembléia Legislativa com a chegada do PSD. O partido tem hoje seis deputados estaduais: José Dias, Hermano Morais, Gustavo Fernandes, Walter Alves, Poti Júnior e Nelter Queiroz.

Mas vai perder o deputado José Dias, que já anunciou que migrará para o PSD. Com isso, o PMDB ficará com cinco representantes na Assembléia. Com a também ida do deputado Vivaldo Costa para o PSD, o novo partido ficará na Assembléia também com cinco parlamentares, incluindo os três do PMN que irão ingressar na nova sigla: Ricardo Motta, Raimundo Fernandes e Gesane Marinho.

Neste caso, PMDB e PSD ficará, cada um, com cinco deputados. O PSD ainda poderá se tornar a maior bancada na Assembléia, caso o deputado Gustavo Carvalho decida trocar o PSB pelo novo partido. Já o PMN, que tem atualmente quatro representantes na AL, será reduzido a apenas um parlamentar, o deputado Antônio Jacome. Com isso, o partido deixará de ter assento no Colégio de Líderes da Assembléia.

Do Oliveira Wanderley

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias