Atraso no pagamento de salário tornou-se um problema crônico no RN

A reportagem do jornal O Globo ainda destaca que o atraso no pagamento de salário tornou-se um problema crônico no Rio Grande do Norte, que está a alguns décimos de extrapolar o limite máximo da LRF. Desde 2013, os funcionários se queixam de adiamentos no pagamento dos subsídios. O último deles afetou o quadro da Educação. A gratificação de mérito educacional a professores e funcionários de escolas foi parcelada em dois meses (novembro e dezembro) por falta de dinheiro em caixa para honrar a dívida em uma única parcela. Neste mês, houve também atraso no pagamento do salário de quase 15 mil aposentados.

Se a situação dos gastos não for equilibrada até o fim deste ano, 2015 tende a ser ainda mais complicado para os gestores, eleitos ou reeleitos. Alguns dos estados que estão na zona de risco empurraram para os próximos anos o pagamento de reajustes salariais concedidos às vésperas da eleição. São eles Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Goiás.

Maioria dos estados tem gastos com pessoal acima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias