Apreensão de drogas bate recorde, diz PF

A Polícia Federal bateu em 2013 o recorde histórico na apreensão de drogas e de bens das quadrilhas de traficantes no país. Para o diretor-geral do órgão, Leandro Daiello, isso demonstra que a PF vem “melhorando de desempenho nos últimos anos”.

A análise foi feita a partir de comentário de reportagem da Folha publicada no sábado, que destacava um relatório de desempenho interno da PF no qual eram citadas quedas nas apreensões de cocaína e na conclusão de inquéritos entre 2008 e 2012.

Segundo a PF, considerando dados até 10 de dezembro, foram apreendidas 35,7 toneladas de cocaína, 80% mais do que no ano anterior —em 2012, haviam sido 19,8 toneladas, uma queda em relação às 24,5 toneladas de 2011. Além disso, foram apreendidas 220,7 toneladas de maconha no mesmo período de 2013, praticamente o dobro do que em todo 2012.

Por fim, as apreensões de bens de traficantes saltaram de R$ 48,1 milhões em 2011 para R$ 80,1 milhões no ano passado (até 10 de dezembro). “Ao tentar estrangular as grandes organizações, aumentamos não só a apreensão de drogas, como a de bens. Atingimos os bolsos desses grandes tubarões e apreendemos um volume recorde, mais de seis vezes o que havíamos confiscado em 2010”, afirmou Daiello à Folha de São Paulo.2008 e 2011, apesar da queda no número total de inquéritos em curso.

drogas PF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

O plano B de Henrique

Embora sustente que o candidato do PMDB será Fernando Bezerra, analistas políticos percebem o plano B do presidente estadual da legenda, Henrique Alves. E a

Leia Mais

PT insiste em Lula para 2018

A direção do PT trabalhava ontem na mobilização de “multiplicadores digitais”. Quer divulgar e recolher assinaturas para o manifesto “O Brasil precisa de Lula”, de

Leia Mais