Agropecuária potiguar é beneficiada com série de ações do Governo do Estado

rosalba desenvolvimento

O Governo do Estado oficializou na manhã desta quarta-feira (16) diversos compromissos com o homem do campo e para desenvolvimento rural do Rio Grande do Norte. A extensa agenda de anúncios e assinaturas aconteceu no Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim, e está dentro da programação oficial da Festa do Boi 2013.

A governadora Rosalba Ciarlini iniciou a solenidade assinando a ordem de serviço para a execução da segunda fase do projeto “Segunda Água”, que prevê a implantação de 2.600 barragens subterrâneas em 123 municípios do estado até 2014. Nesta fase serão aplicados R$ 20 milhões, investimento do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), com contrapartida de R$ 479 mil do Governo do Estado. O projeto executado pela Emater-RN vai construir em sua primeira etapa 1.300 barragens nas áreas rurais das cidades afetadas pela estiagem. Para acessar o projeto o agricultor deve ser estar cadastrado no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), além de possuir em sua terra uma área adequada para a implantação das barragens.

“Temos que estar preparados para o clima que vier. Se em 2014 tivermos um bom inverno, vamos continuar trabalhando como se fosse seca, porque as ações não podem parar. Quero deixar o nosso Rio Grande do Norte pronto para conviver tranquilamente com os períodos de estiagem. Esse é um compromisso com a vida, não se trata apenas de questões econômicas ou de desenvolvimento agrário; essa é uma questão vital para o potiguar”, afirmou Rosalba Ciarlini.

A chefe do Executivo Potiguar também assinou um acordo de cooperação entre a Emater e a Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania (Sejuc). O objetivo do convênio é oferecer aos pequenos produtores uma ração reforçada para o rebanho. Serão distribuídos mais de 178 mil sacos de torta de caroço de algodão, em um total de R$ 10 milhões, recursos provenientes do Ministério da Integração Nacional com contrapartida do Governo do Estado. Segundo o documento assinado, a contrapartida do Governo não será financeira, mas na oferta logística da distribuição da ração e mão de obra. Serão beneficiados 144 municípios com prioridade para os pequenos produtores que fornecem para o Programa do Leite, cujo rebanho esteja vacinado contra aftosa e sejam reconhecidos pela Emater.

Na ocasião, Rosalba Ciarlini ainda assinou uma carta garantindo contrapartida de R$ 5 milhões para o Projeto de Apoio às Cadeias Produtivas de 57 associações rurais junto ao BNDES (no valor total de R$ 10 milhões). O programa também será executado pela Emater.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

maio 2024
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  
Categorias

Fique na sua!

Antes antipático do que falso. Afinal o que é ser simpático? Fingir que gosta de todo mundo? Então meu caro, se eu não for com

Leia Mais

O resto é chororô

O prefeito Robson Araújo iniciou o mandato optando pela organização da cidade. Ordenou limpar as ruas e colocar lâmpadas novas onde os bairros estavam às

Leia Mais