Advogado diz que Dilma deverá comparecer à sessão de votação do impeachment

A presidente afastada Dilma Rousseff não irá para seu interrogatório na Comissão Especial do Impeachment, hoje, mas que deve se pronunciar no dia da votação, no plenário do Senado, conforme anunciou ontem o ex-advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo. “Vamos reservar sua presença ao plenário, se ela achar que deve vir. Presidentes da República, em geral, não vão a comissões. Eles são representados por ministros. O espaço para a presidente é o plenário”, defendeu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

outubro 2021
DSTQQSS
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31 
Categorias