A mulher mais idosa do RN está em Currais Novos

Francisca Tereza da Conceição completou no último dia 16 de julho, 110 anos. Dona Chiquinha, como é mais conhecida na rua Dix-Sept Rosado, em Currais Novos, é o xodó da família e uma das pessoas mais respeitadas da vizinhança.

Natural do município de Campo Redondo, mas registrada na cidade de Santa Cruz, Dona Chiquinha mudou-se para Currais novos em 1954. Foi agricultora e trabalhou vários anos na lavoura ao lado do esposo, Dioclécio Ferreira de Lima, que faleceu em 1974, aos 71 anos.

Mãe de doze filhos, dos quais apenas cinco ainda estão vivos, Dona Chiquinha foi avó, bisavó, trisavó e já perdeu a conta da quantidade de netos, bisnetos e trinetos.

Até pouco tempo, Dona Chiquinha ainda lavava roupas e ajudava na cozinha lavando louça. Mas desde o ano passado, quando sofreu um AVC que paralisou parte de seus movimentos, inclusive a fala, vem necessitando de maiores cuidados por parte dos familiares. “Mesmo depois do AVC, mamãe continua se alimentando sozinha e presta atenção em tudo o que acontece dentro de casa”, afirma Francisco de Assis, um dos filhos de Dona Chiquinha.

“Ela é uma pessoa muito querida. Não só por nós familiares, mas por todos que a conhecem. Uma guerreira que não se intimida com a idade e continua, dia após dia, a querer viver cada momento ao lado da família”, conclui Francisco.

Por Mazilton Galvão

6 respostas

  1. ainda lembro quando era criança a uns 25 anos atrás e ia até a casa d D Chiquinha comprar dindim de coco queimado…o melhor dindim d toda a região

  2. Sem dúvida olhar para Dona Chiquinha é como voltar o tempo, era uma disputa das crianças na rua para juntar comer de porco e troca por um dindim kkkkkk. Saudades daquele tempo.

  3. ESSE É UM EXEMPLO DE VIDA MUITA SAÚDE,PAZ E + ANOS PELA FRENTE

  4. quando criança estudando na escola de nossa senhora saia na hora da pausa para comprar poli de côco ou de goiaba da propria fruta nao é esse de hoje que é de essencia… poli feito na taça de gelo quando estava endurecendo enfiava-se um palito dental… oh tempo bom que nao volta jamais!

  5. eu sou filha de um dos filhos que ela criou, o meu pai ela criou por adoçao o nome dele e franncisco avelino da silva nos ficamos muito emocionados em ver essa foto, parabens para essa mulher guerreira que criou os filhos biologicos e os filhos de coração, beijos a todos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

maio 2024
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  
Categorias

Baixaria

A Band TV teve a melhor das intenções, mas o debate entre os Candidatos a Senador pelo Rio Grande do Norte (RN) nas eleições deste

Leia Mais