300 mil alunos ficam sem aulas na rede estadual de educação na PB

Os professores e técnicos da educação pública no Estado paralisam atividades nesta quarta-feira (30) em adesão à Mobilização Nacional dos Funcionários da Educação. Segundo o sindicato, mais de 300 mil estudantes devem ficar sem aulas em mil escolas onde lecionam 14 mil docentes. Os servidores reivindicam cumprimento das ascensões previstas no PCCR e pagamento do Piso Nacional junto com gratificações que foram retiradas para implantação das bolsas de cumprimento de metas.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba (Sintep-PB), não estão sendo cumpridas as ascensões funcionais previstas no Plano de Cargos Carreira e Remuneração (PCCR) de docentes e ainda não foi aprovado o PCCR dos técnicos-administrativos. Os sindicalistas ainda reivindicam melhorias de condições de trabalho, pagamento do Piso Nacional com retorno das gratificações removidas após aplicação das bolsas de produtividade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

setembro 2021
DSTQQSS
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930 
Categorias

Eleitor está fora do clima eleitoral

O eleitor ainda não entrou no clima eleitoral, o que deverá somente após a realização das convenções para homologação das candidaturas majoritárias e proporcionais. Os

Leia Mais