Penso, logo existo...

Categoria: Política

Discussão sobre assuntos políticos

Assembleia Legislativa apreciará três poderes do Poder Executivo

Caso aprove a convocação extraordinária encaminhada pelo governador Robinson Faria (PSD), a Assembleia Legislativa apreciará três projetos: empréstimo de R$ 850 milhões junto ao Banco do Brasil, cobrança de dívida ativa dos contribuintes potiguares e repasse dos depósitos judiciais no Estado, que institui o Fundo de Reserva dos Depósitos Judiciais.  

Assembleia Legislativa

Vereador considera “forte” o nome de Walter Alves para prefeito de Natal

walter 90 O vereador Luiz Almir, do PV, atual primeiro secretário da Câmara Municipal de Natal concorda com o deputado Kelps Lima, do SDD, que em entrevista a ´JORNAL DE HOJE no final de semana afirmou ser necessária a implantação da modernidade na administração pública, principalmente na Prefeitura Municipal de Natal, onde segundo ele, “a gestão do prefeito Carlos Eduardo é do tempo dos dinossauros”. Na oportunidade, Kelps Lima admitiu ser candidato a prefeito de Natal nas eleições de 2016, argumentando que “qualquer político que ama sua cidade quer um dia ser prefeito dela”. O deputado do SDD referiu-se também aos primeiros 30 dias da administração estadual. “O governador precisa tomar medidas fortes para modernizar a administração pública e dinamizar nossa economia”, ressaltou. Ao comentar sobre o processo sucessório municipal, Luiz Almir lembra que existem vários nomes citados, a exemplo de Hermano Morais (PMDB), Kelps Lima (SDD), Fernando Mineiro (PT) e Rogério Marinho (PSDB), além de Robério Paulino (Psol), entretanto, cita o deputado Walter Alves como sendo “um nome forte” para a disputa eleitoral do próximo ano. “Walter Alves é uma liderança jovem, filho do senador Garibaldi Filho e foi bem votado para deputado federal. Poderá perfeitamente ser candidato a prefeito de Natal”, observa.

Walter Alves

Novo secretário de Infraestrutura é empossado em Caicó

secretarioinfra O prefeito de Caicó, Roberto Germano, empossou na manhã desta segunda-feira (19) o novo secretário municipal de infraestrutura, Jorge Araújo. A solenidade contou com a presença dos vereadores Batata Araújo, Djalma Mota, Lobão Filho, Odair Diniz, Leleu Fontes, Rubão Germano e Mancuso Queiroz, além de secretários e servidores da secretaria. “Jorge tem competência, currículo e já prestou vários serviços para a sociedade caicoense. Foi capaz de realizar um excelente serviço no SESC Seridó. Ele é bem relacionado com a sociedade de uma forma geral e vai desempenhar um bom trabalho a frente da infraestrutura do nosso município”, disse Roberto Germano. Para Jorge Araújo, o momento é de conhecer a estrutura da secretaria e, em seguida, continuar com as ações que a cidade necessita. “Essa semana é para que possamos tomar conhecimento e seguir com os trabalhos que a pasta exige. A nossa proposta é pautada em equipe e é assim que vamos desenvolver as nossas ações”, explicou o novo secretário.

Infraestrutura

TCE nega pedido de consideração de contas de Antônio Petronilo

O ex-prefeito de Parelhas, Antônio Petronilo (PMDB), protocolou pedido de reconsideração de contas junto ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), que havia detectado irregularidades. A relatora do processo, conselheira Maria Adélia Sales, teve o voto acompanhado pelos demais membros da Corte, que opinaram pelo improvimento do pedido de reconsideração interposto por Petronilo, mantendo-se o Acórdão recorrido em todos os seus termos. Segundo o TCE, o acórdão apura tão-somente a responsabilidade do ex-prefeito ante o atraso do envio de documentação ao TCE, não configurou ato doloso de improbidade administrativa.  

Antônio Petronilo

Câmara: Planalto trabalha pela candidatura de Chinaglia

candidatos camara
Cunha (PMDB), Chinaglia (PT) e Júlio Delgado (PSB)
  No dia 1º de fevereiro, enquanto boa parte dos eleitores estará na expectativa pelo Carnaval, deputados federais estarão em meio a uma ferrenha disputa pela presidência da Câmara dos Deputados. Apesar de a maior parte do público não dar muita importância ao cargo, ele pode ser a diferença entre o “céu e o inferno” para qualquer governo. A eleição para a presidência da Câmara é feita a cada dois anos e é decidida por meio do voto direto dos membros das duas casas. Na Câmara dos Deputados, três candidatos disputam o cargo: Eduardo Cunha (PMDB), Arlindo Chinaglia (PT) e Júlio Delgado (PSB). Apesar de o governo afirmar que, oficialmente, não vai interferir na disputa, nos bastidores, o Planalto trabalha pela candidatura de Chinaglia. Cunha, que já disse ser a favor de uma nova CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Petrobras, é visto como um risco para o governo, e Júlio Delgado tem o apoio do arquirrival do PT, o PSDB.

Câmara

Dirigente do Partido Novo reclama de demora no registro da legenda

claudionovo O presidente do diretório distrital e fundador do Partido Novo, Cláudio Cavalcanti Barra, tem reclamado da demora para obtenção do registro da nova sigla. O grupo levou a documentação ao Tribunal Superior Eleitoral em julho do ano passado, mas quase seis meses depois o processo ainda não foi julgado. “Eles não têm vontade política em tramitar o processo. Está demorando muito. Um partido de oposição não é muito bem-vindo. Se for para entrar na base, é outro tempo”, critica Barra. “Cada processo está instruído de forma diferente, o que é óbvio. Mas não se justifica demorar mais de 6 meses num processo administrativo”, disse ao Pode Online.

Partido Novo

Rosalba tem futuro político indefinido

rosalba outubro Desde 1° de janeiro Rosalba Ciarlini voltou a ser uma cidadã comum. Tão comum a ponto de ter passado à condição da esmagadora maioria dos brasileiros que não são filiados a partidos políticos. A análise é do jornal O Mossoroense. Sem mandato e inelegível, a agora ex-governadora sonha com o retorno à política. Apesar de ter se tornado a mais impopular governadora da história potiguar, ela sabe o caminho para se reerguer na política: ser eleita prefeita. Apesar do desgaste profundo, ela teve preservada a fama de maior eleitora da cidade. Para isso ela fez um teste de popularidade posando de dona de casa ao fazer compras em um supermercado da cidade. A alternativa sugerida é a de disputar o Senado. Especula-se que ela seria candidata com um único objetivo: prejudicar o senador José Agripino (DEM), que em 2018 tentará renovar mais um mandato. Ainda não se sabe o destino partidário de Rosalba. O caminho natural era desembarcar no Partido Progressista (PP), atualmente comandado pelo cunhado dela e deputado federal Betinho Rosado. Outra possibilidade é conquistar o comando de outra agremiação para permitir que o grupo dela tenha o controle de duas legendas. À mídia a governadora afirma não ter pressa. Os fatos mostram que sim. Ela tirou 60 dias de folga e quando voltar, deve pedir aposentadoria como médica na Secretaria de Estado da Saúde Pública. Se voltar a trabalhar, será lotada no Hospital Rafael Fernandes.

Rosalba Ciarlini

Larissa Rosado: ‘Não é um adeus, nem um até já, vamos continuar a luta”

larissadefato A deputada estadual Larissa Rosado (PSB) ficará sem mandato depois de doze anos na Assembleia Legislativa. Isso, porém, não assusta a parlamentar. Para trabalhar pela população, diz, não é preciso ocupar mandato, mas, sim, ter vontade de servir às pessoas. O ensinamento, segundo ela, herdou do avô, deputado Vingt Rosado, transmitido pela mãe, deputada federal Sandra Rosado (PSB). Na entrevista ao jornal De Fato (CLIQUE AQUI), Larissa Rosado fEz uma avaliação dos seus três mandatos na Assembleia Legislativa, reconhece que o seu grupo político atravessa um momento de adversidade, mas garante que está inteiro para futuras disputas. No caso da sucessão mossoroense, a deputada manda o aviso: “Não é um adeus, nem um até já, porque vamos continuar a nossa luta em prol das pessoas. Vamos dialogar com os políticos, com os partidos e com a sociedade”.

Larissa Rosado

Emendas de Felipe Maia viabilizaram complexo de lazer e praça de eventos no Alto Oeste

felipe pau dos ferros A prefeitura do Encanto, no Alto Oeste potiguar, inaugurou no sábado (17) o Complexo de Lazer “Valdir Felix da Silva” e a Praça de Eventos “Tião Batista”. As obras são frutos de emendas parlamentares destinadas pelo deputado federal Felipe Maia e pelo senador José Agripino, sendo entregues à população pelo prefeito Alberoni Neri. Antes de participar do evento, Felipe Maia que estava acompanhado da ex-prefeita de Mossoró, Cláudia Regina, visitou correligionários em Pau dos Ferros. O parlamentar foi recebido pelo ex-prefeito Leonardo Rêgo e seu pai, o deputado Getúlio Rêgo, o presidente da Câmara, Gilson Rêgo, e os vereadores Gugu Bessa e Francisco José (Gordo do Bar).

Felipe Maia

Candidato à presidência da Câmara foi alvo de tentativa de assalto

Deputado Eduardo Cunha O carro do deputado Eduardo Cunha (RJ), líder do PMDB e candidato à presidência da Câmara, foi atingido por um tiro em uma tentativa de assalto, segundo o parlamentar, no dia 3 de janeiro. Cunha contou que estava no banco do carona, parado em um engarrafamento na Avenida das Américas, na Barra da Tijuca (Zona Oeste), quando o assaltante parou ao lado do motorista, em uma moto. Como o carro, um Tuareg, é blindado, eles não abriram a porta ou a janela. O assaltante atirou e fugiu em seguida. Cunha descartou qualquer motivação política. “Aconteceu à luz do dia, por volta das 18 horas. Muitos assaltos têm acontecido naquela região, quando os carros ficam presos no engarrafamento. O homem na moto foi em cima do motorista. Não reagimos, então ele deu um ou dois tiros, mas o carro é blindado e ninguém ficou ferido”, disse Cunha. O deputado não registrou a tentativa de assalto na polícia, mas comunicou o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB). “Falei logo com o governador para evitar qualquer tipo de especulação. Houve uma tentativa de assalto”, afirmou.

Eduardo Cunha

Kelps diz que gestão de Carlos Eduardo é do “tempo dos dinossauros”

kelps falencia O deputado Kelps Lima admitiu ser candidato a prefeito de Natal nas eleições do próximo ano. Ao ser questionado sobre o assunto durante entrevista ao Jornal de Hoje, neste sábado (17), o deputado do Solidariedade que se encontra no exercício do seu seu mandato afirmou: “qualquer político que ama sua cidade quer um dia ser prefeito dela”. Kelps Lima disse que “é preciso ousar na administração e sair de uma gestão do tempo dos dinossauros, trazendo a modernidade e o desenvolvimento que o potencial de Natal exige”. Segundo Kelps Lima foi reeleito com 59.619 votos dos quais 17.750 na capital. Sua principal pauta na Assembleia Legislativa tem sido trabalhar e contribuir com debate para modernizar a gestão pública no Estado. Ele aprovou projeto acabando com marcas e slogans de governo, retirar foto de governante de prédios públicos e proibir inauguração de obras inacabadas. “Tem que sair de uma gestão do tempo dos dinossauros trazendo a modernidade e o desenvolvimento que o potencial de Natal exige”, disse Kelps sobre o governo de Carlos Eduardo.

Kelps Lima

Prefeito de Mossoró busca conter insatisfações na base aliada

silveira mossoroDepois de vencer a eleição para a Femurn, o prefeito de Mossoró, Francisco José Júnior (PSD), já tem outra missão: contar insatisfações na sua base dentro da Câmara Municipal. Ele está reunido hoje (17), na no Palácio da Resistência, com os vereadores governistas. Segundo informam lá do Oeste, alguns parlamentares reclamam falta de atenção na relação com o Poder Executivo.

Mossoró

Seguidores de Marina Silva articulam criação de novo partido

Marina-Silva-300x242Um novo partido está em processo de criação no Brasil. Dessa vez a futura legenda congrega ex-seguidores de Marina Silva. E nessa articulação, a deputada federal Luiza Erundina (PSB-SP) foi recebida ontem como visita ilustre na reunião de militantes de um novo projeto político, provisoriamente batizado de Avante, na capital paulista. Segundo ao Estadão, o projeto envolve pessoas que foram ligadas ao Rede Sustentabilidade, de Marina Silva, como o historiador Célio Turino, o sociólogo Marcelo Soares e o jornalista Emílio Franco Jr., e conta com outros interessados também. O grupo deixou a Rede decepcionado com a decisão de Marina de apoiar o senador Aécio Neves (PSDB) no segundo turno.

Marina Silva

Marido de Marta Suplicy vira porta-voz nas conversas com partidos

martamarido O Poder on line noticiou que o marido da ex-ministra Marta Suplicy, Márcio Toledo, vem atuando como uma espécie de porta-voz da petista nas negociações sobre sua possível saída do PT. Em alguns casos, ele tem conversado sozinho com dirigentes partidários e repassado os recados à ex-prefeita paulistana. Os petistas aproveitam para criticar. Dizem que não pega bem para uma pessoa com a estatura política dela ser representada pelo marido. Mas o fato é que ninguém no atual partido de Marta é lá muito fã de Toledo.

Marta Suplicy v

Dilma já avisou: não existe “ministro de partido”, mas “ministro de governo”

dilma boxeSegundo o blogue do Gerson Camarotti, no G1, a primeira reunião ministerial do seu segundo governo, marcada para o próximo dia 27, a presidente Dilma Rousseff dará um recado para sua equipe: a de que não existe “ministro de partido”. E que todos os titulares do primeiro escalão são “ministros do governo”. No encontro, haverá uma parte reservada para explicar o ajuste fiscal. A determinação é que todos os ministérios devem ajudar no esforço para controlar os gastos públicos.

Dilma Rousseff

Deputado eleito diz que PT do B não tem interesse em cargos

carlosaugutoentrevista Em entrevista ao “Observador Político”, em Mossoró, o vereador de Parnamirim e deputado estadual eleito, Carlos Augusto Maia (PT do B), disse que o partido dele não tem preocupação com cargos. “Não é do nosso perfil ficar fazendo indicações. Estamos numa linha de imparcialidade, mas com sintonia com o governo”, declarou. Comparando as atividades de vereador com a de deputado, Carlos Augusto disse que agora terá a oportunidade de trabalhar de forma mais ampla. “O mandato de deputado estadual proporciona você ter o conhecimento de todas as regiões do Rio Grande do Norte. Eu tenho o desejo de não fazer um mandato voltado apenas para uma área”, declarou.

Carlos Augusto Maia

Ministério Público pede a cassação do diploma de dois deputados

tombadisson A Tribuna do Norte também destaca que os deputados estaduais eleitos Tomba Farias (PSB) e Disson Lisboa (PSD) enfrentam ações que contra a diplomação dos dois parlamentares. O Ministério Público Eleitoral entrou com “recursos contra expedição de diploma”. Os dois processos tramitam no Tribunal Superior Eleitoral. Em comum nos dois processos está o fato de que os parlamentares sofreram condenações em órgão colegiado após a diplomação, que ocorreu no dia 18 de dezembro. As condenações foram por improbidade administrativa, o que leva a suspensão dos direitos políticos. É a partir desse fato, que a Procuradoria Eleitoral pede ao Tribunal Superior Eleitoral para cassar os diplomas dos dois eleitos.

Disson Lisboa, Tomba Farias

Parnamirim: grupo de Mauricio Marques tem três nomes para prefeito

mauriciomarques O prefeito de Parnamirim, Maurício Marques (PDT), chegou a dizer que já tinha um nome no seu grupo político para sucedê-lo, mas agora ele tem três: Naur Ferreira (secretário de Obras), Márcio César (secretário chefe do Gabinete Civil) e o vereador Rossano Taveira (vereador). Articulação política será fundamental para chegar ao indicado.

Parnamirim

George Soares assina ato de convênio de 120 mil reais para Serra do Mel

georgeserradomel A Assembleia Legislativa do RN está em recesso das atividades, mas o trabalho não para no gabinete do deputado estadual George Soares (PR). Na quarta-feira (15), ele recebeu o prefeito Fábio Bezerra (PMDB) e o vereador Moabe Soares (PR) para assinar um ato de formalização de convênio em que o deputado George destina uma emenda no Orçamento do Estado esse ano, no valor de 120 mil reais, para a construção de duas praças na Vila Pernambuco e outra na Vila Minas Gerais, no município de Serra do Mel na região do Vale do Açu potiguar. “Nosso trabalho está sendo feito de maneira planejada, por isso aproveitamos o recesso da AL para reforçar nossos elos e concretizar nossos compromissos. Estamos pensando todo o estado para melhorar nossas cidades e suas necessidades.” Disse o deputado George Soares.

George Soares

Henrique diz que ser ministro de Dilma não é sua prioridade no momento

henrique aeroportoO presidente da Câmara Federal, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB), que deixará a Casa a partir de fevereiro, declarou ao portalnoar.com, na noite desta quinta-feira (15), que assumir um ministério no governo Dilma Rousseff (PT) não é sua prioridade no mento. Questionado se assumiria a pasta do Turismo, o peemedebista disse que está focado em provar sua inocência da acusação feita pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, na delação premiada. Ele acusou Henrique de se beneficiar do esquema operado pelo PT. “Não é minha preocupação assumir ministério. Minha preocupação agora é que a delação tão falada tenha a Justiça feita. Quero que se repare o absurdo que foi o envolvimento do meu nome. Essa é minha preocupação fundamental. O procurador da República promete, em fevereiro, concluir essa investigação. Essa é minha preocupação. A partir daí, quem conduz ministério A, B ou C é o vice-presidente Michel Temer. Essa não é minha prioridade”, declarou Henrique.

Henrique Alves

Presidente da Femurn diz que segurança, saúde e seca são os grandes desafios

silveiraintertv Em entrevista à Inter TV Cabugi, hoje (16), o presidente eleito da Federação dos Municípios do RN (Femurn), Francisco José Júnior (Mossoró), lembrou que a “segurança, saúde e questões relativas à seca” são os grandes desafios da gestão. “E vamos buscar as parcerias e convênios com o governo, para que as ações cheguem mais rápido aos municípios”, disse o dirigente. E sobre o Fundo de Participação dos Municípios (FPM), Silveira lembrou que essa é uma “luta permanente junto à Confederação Nacional dos Municípios (CNM), em Brasília, para que os prefeitos saibam o que vão receber e façam a sua programação”.

Femurn

Henrique defende apoio à reeleição de Carlos Eduardo

A expectativa é de nomeação de Henrique Alves (PMDB) para o ministério do Turismo, mas enquanto isso ele já pensa nas articulações políticas para 2016. Presidente estadual do PMDB, Henrique quer discutir os rumos da legenda nas eleições municipais. Em Natal, o líder estaria fortemente inclinado a apoiar a reeleição do primo-prefeito, Carlos Eduardo Alves (PDT).

Henrique Alves

Henrique: defecções no PMDB levaram à derrota de Benes Leocádio

henrique denuncia O presidente da Câmara Federal, Henrique Alves (PMDB), defendeu a recondução do prefeito de Lajes, Benes Leocádio (PMDB), ao comando da Federação dos Municípios do RN (Femurn). Segundo Henrique, a derrota por dez votos para o prefeito de Mossoró, Francisco José Júnior (PSD), foi resultado defecções de prefeitos do próprio PMDB, que não seguiram a orientação partidária.

Henrique Alves

Eduardo Cunha acredita na vitória em primeiro turno para a Câmara

Depois de percorrer 24 estados, o candidato do PMDB à presidência da Câmara, Eduardo Cunha, chegou a terras potiguares. Aqui se reuniu com os colegas de parlamento, além do governador Robinson Faria (PSD). Em entrevista à imprensa, ele disse acreditar que terá “uma vitória expressiva no primeiro turno” com “vantagem muito grande”. Cunha disputa o cargo com os deputados Arlindo Chinaglia (PT) e Júlio Delgado (PSB).

Eduardo Cunha

Cunha defende independência da Câmara

Mesmo sendo filiado ao principal aliado do Palácio do Planalto, o PMDB, o candidato à presidência da Câmara, deputado federal Eduardo Cunha confirmou à imprensa que manterá a posição de independência da Casa. “A Câmara deve ser independente e ter o respeito dos demais poderes e acima de tudo da sociedade brasileira. Nossa postura será para isso”, comentou.

Eduardo Cunha