Voto contra cassação de Moro não assusta PT; sigla acredita que medida pode ser revertida no TSE

O Partido dos Trabalhadores está confiante de que o senador Sergio Moro perderá o mandato mesmo após o voto contrário do relator Luciano Carrasco Falavinha no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR).

A coluna Igor Gadelha, do Metrópoles, revela que os caciques do partido no estado atestam que o voto do relator não mudará a situação de Moro sobre a possível cassação. É levantada ainda a possibilidade do ex-ministro de Bolsonaro não ter apenas o mandato cassado, mas sim toda a chapa.

É avaliado pelos integrantes do partido de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) que poupar os suplementos de Moro inviabiliza uma nova eleição no estado. Caso Moro seja cassado, o advogado Luis Felipe Cunha (União) irá assumir o posto.

Petistas acreditam que, caso Sergio Moro seja absolvido pelo TRE, a decisão pode ser revertida no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

A ação movida contra Sergio Moro foi protocolada pelo PT e pelo PL e é referente a um suposto abuso econômico nas eleições de 2022. O julgamento sobre o caso do ex-chefe da Justiça no governo Bolsonaro (PL) foi iniciado na segunda-feira (1), mas foi suspenso após pedido de vista do desembargador José Rodrigo Sade. 

A sessão será retomada na próxima segunda-feira (3).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  
Categorias