Vereador acusou o PT de usar poder para tentar influenciar eleições da Câmara de Natal

O vereador Júlio Protásio (PSB), eleito primeiro vice-presidente da Câmara Municipal de Natal durante a primeira sessão do ano realizada ontem, acusou o PT de usar líderes nacionais e regionais para tentar influenciar o resultado da disputa para a mesa diretora da Casa. Segundo o pessebista, até mesmo o ministro do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, tentou ajudar o vereador Hugo Manso (PT) a chegar a presidência do legislativo.

“O PT usou o poder para tentar influenciar nas eleições da CMN”, disse Júlio Protásio no plenário da Câmara, momentos antes da mesa diretora ser escolhida. O vereador revelou que o ministro entrou em contato com o deputado federal Henrique Alves (PMDB) na tentativa de conquistar os votos dos peemedebistas para Hugo. Mas, o próprio Henrique teria informado que precisaria respeitar a escolha dos vereadores.

Ainda de acordo com Júlio, os líderes do PT ainda procuraram a vice-prefeita Wilma de Faria, presidente estadual do PSB, também na tentativa de mudar o voto dos membros do seu partido. Assim como aconteceu com Henrique, Wilma teria informado que conversaria com os vereadores da sua legenda, mas que a definição seria dos próprios parlamentares.

Do Jornal de Hoje

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

Categorias

Entre tapas e beijos

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT), e o presidente da Câmara da Capital, vereador Raniere Barbosa (PDT), já voltaram às boas relações. Das

Leia Mais