Universidades federais planejam aulas online após 4 meses

Após quatro meses sem aulas por causa do isolamento social, universidades federais começam a retomar ou a planejar o retorno das atividades, de forma online. Segundo o Ministério da Educação (MEC), das 69 instituições, 53 estão com atividades suspensas – 846 mil alunos sem aulas.

A retomada a distância esbarra em dificuldades de acesso dos estudantes às plataformas e até na falta de experiência dos professores para conduzir aulas remotas.

No início deste mês, o MEC anunciou a oferta de internet gratuita para universitários com renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. “A tendência é que as universidades retornem (online), até pela dificuldade de falar, no momento, de volta presencial. Estão todos se organizando para atividades remotas”, diz Edward Madureira Brasil, reitor da Federal de Goiás (UFG) e vice-presidente da Andifes, entidade que reúne os dirigentes das universidades federais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

janeiro 2021
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
Categorias

A bomba vem aí…

Creia.  O Estado de Alagoas disputa com o Estado de Sergipe a instalação de uma usina nuclear. A bomba vem aí?

Leia Mais

Vem cá…!

Essa licitação do governo do Estado para a reconstrução da estrada que liga Caicó a Jucurutu é de “rôsca“? É somente uma pergunta

Leia Mais