TRE cassa três vereadores: de Jardim de Angicos, Ceará-Mirim e Angicos

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte julgou, na sessão ordinária da tarde desta quinta-feira (5), três ações de perda de cargo eletivo por desfiliação partidária sem justa causa que tinham como autores, dentre outros, o Ministério Público Eleitoral (MPE).
Os vereadores Francisco de Assis Souza, de Jardim de Angicos; Ronaldo Marques Rodrigues, de Ceará-Mirim; e Cloves Tibúrcio da Costa, de Angicos, perderam seus mandatos porque a Corte Eleitoral não reconheceu a ocorrência de motivos que estivessem abrangidos pelas possibilidades de desfiliação sem perda do mandato previstas na Resolução 22.610/2007, do TSE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  
Categorias

Força tarefa na Justiça

O Tribunal de Justiça do RN informa que uma força-tarefa de juízes e servidores do órgão analisarão um total de 2.774 processos de pessoas presas

Leia Mais

Iberê recebe nova adesão

O prefeito de Caiçara do Rio dos Ventos, Francisco Edson de Oliveira, passou a apoiar a candidatura de Iberê Ferreira de Sousa (PSB) ao governo

Leia Mais