Tema água precisa estar na agenda do cidadão comum

1100750 ffraz abr120820176300 Tema água precisa estar na agenda do cidadão comum

Pela primeira vez, o Fórum Mundia da Água ocorrerá em um país do Hemisfério Sul. O potencial hidrográfico fez com que o Brasil fosse escolhido como sede. Para o diretor executivo do 8º Fórum Mundial da Água, Ricardo Andrade, um dos principais objetivos é chamar a atenção do cidadão comum.

“É fazer com que o tema água entre na agenda do dia a dia do cidadão. Não só do cidadão mobilizado, aquele que discute o tema da água, mas daquele cidadão comum, que acha que a água nasce na torneira, que para ter água limpa precisa de torneira limpa, que não tem a percepção da importância de cuidar bem da água”, destaca.

Andrade é diretor de Gestão da Agência Nacional de Águas (ANA) e um dos 50 profissionais responsáveis pela organização do Fórum Mundial da Água, que ocorrerá em Brasília entre os dias 18 e 23 de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Categorias

Rosalba reage contra deputados

A governadora Rosalba Ciarlini reagiu as indicações de que os deputados estaduais poderão fazer uma nova distribuição no empréstimo de U$ 540 milhões que serão

Leia Mais

Pode dar jogo

E se Hermano Morais for indicado candidato a vice-prefeito de Álvaro Dias nas eleições municipais de 2020, hein? O filho de Álvaro, Adjuto Neto, assumirá

Leia Mais

Chuvas devem conitinuar no RN

O monitoramento Emparn registrou chuva em todas as regiões do Estado, com mais intensidade nas regiões Oeste, em Riacho de Santana (62 mm) e na

Leia Mais