Tem, mas acabou

Em meio aos esforços para recompor as relações com o Congresso, o Planalto se depara com mais um ingrediente que deve gerar insatisfação de sua base. Em 2017, o governo ainda não liberou recurso algum para as obras que haviam sido indicadas por emendas dos parlamentares em anos anteriores e já estavam em execução.

A justificativa é a de sempre: falta dinheiro. A queixa crescente, que vem principalmente de prefeitos e deputados, já chegou a ministros de Michel Temer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Categorias

O Rei do Melão está de volta

 O Empresário mossoroense Luiz Roberto Barcelos, que é considerado o REI do MELÃO, volta a se interessar pela política estimulado pelo prefeito de Mossoró (RN) Alysson Bezerra.

Leia Mais

Cuba: Fidel Castro em coma

O jornalista venezuelano Nelson Bocaranda Sardi, do diário “El Universal“, disse nesta segunda-feira que o estado de saúde de Fidel Castro (na foto com Lula) piorou

Leia Mais